Rick and Morty passa por uma polêmica nas redes sociais. Um vídeo do co-criador Dan Harmon, conhecido como “estupro do bebê”, ressurgiu e fez com que os fãs começassem a pedir o cancelamento da animação.

Nesse clipe sombrio do roteirista, Harmon parece simular o estupro de uma boneca. Tudo faria parte de uma paródia da série Dexter.

O clipe perturbador foi originalmente criado em 2009, embora tenha ressurgido originalmente em 2018 depois de ser compartilhado em alguns sites de entretenimento.


Na primeira vez que apareceu nas redes sociais, Harmon pediu desculpas e explicou que se tratava de um piloto de uma série de comédia que seria uma paródia da produção famosa. Ao mesmo tempo, teria avisado aos internautas sobre o conteúdo pesado.

Dessa vez, o vídeo voltou a aparecer e a campanha de cancelamento de Rick and Morty ganhou mais força (veja mais aqui). Porém, a série pode ser cancelada na 5ª temporada?

A situação de Rick and Morty

Como se sabe, a 5ª temporada de Rick and Morty já está em desenvolvimento. Isso anularia qualquer situação de acabar o seriado no 4° ano.

Ao mesmo tempo, um cancelamento como alguns fãs pedem é bastante difícil e improvável. Rick and Morty tem um longo contrato com a emissora Adult Swim.

Em 2018, o canal tinha encomendado mais 70 capítulos de Rick and Morty. Com o lançamento da 4ª temporada, restariam ainda 60 episódios.

Outra situação é que se o Adult Swim pensar em cancelar a série, outras emissoras podem reviver Rick and Morty, dado o sucesso que a animação faz.

O certo é que os fãs terão o desenho por mais alguns anos.

“O brilhante cientista beberrão Rick sequestra Morty, seu neto aborrescente, para viver loucuras em outros mundos e dimensões alternativas”, diz a sinopse.

Rick and Morty tem 4 temporadas na Netflix. A 5ª não tem previsão de estreia.