ALERTA DE SPOILERS

A 16ª temporada de Grey’s Anatomy trouxe bastante tensão para o casal Richard Webber e Catherine Fox. Até o fim do ano, o destino deles não era tão certo.

Os dois tinham decidido se separar, mas davam sinais de que poderiam voltar. Os maiores foram enquanto Richard esteve doente, o que preocupou os fãs da série por uma possível morte do doutor (o que não aconteceu).

Agora, a produtora e atriz Debbie Allen afirmou ao Showbiz Cheat Sheet que a 17ª temporada guarda muitos dramas para os personagens. Nas palavras dela, “há chances” para os dois.


“Nós estávamos em uma batalha e é assim que vamos começar. Então, não preciso te contar mais, mas vai ser uma boa temporada para ver onde vamos e como vamos chegar. Todos querem nos ver juntos de novo. Jim Pickens Jr. e eu estamos como, ‘Queremos nos beijar de novo!’ Nós queremos ver amor real e como duas pessoas maduras vivem o amor na tela”, afirmou a intérprete de Catherine.

Pela declaração, é bem provável que os dois voltem a ficar juntos. Porém, não é certo que esse seja o destino final do casal.

Grey’s Anatomy lida com a pandemia

Grey’s Anatomy já tem definida a trama da 17ª temporada. O drama médico tocará na própria pandemia do coronavírus (COVID-19).

Por mais que a escolha esteja dividindo os fãs, a história afetará principalmente um personagem. Owen será um dos protagonistas da temporada.

Com a revelação, os internautas começaram a enviar mensagens para Kevin McKidd, o intérprete de Owen. Todos querem saber o que pode acontecer com o personagem.

No Twitter, o ator de Grey’s Anatomy respondeu um fã. Ao que parece, Owen não terá uma trama fácil – mas sim, sombria.

“Owen terá uma bola de demolição da realidade jogada nele, isso com certeza! Um longo período vindo aí”, indicou o ator.

No Brasil, Grey’s Anatomy tem exibição no canal Sony.