Publicidade

Casal de Grey’s Anatomy está “destruído”, diz chefe

Publicado por Bruno Tomé

09/10/2020 11:23

ALERTA DE SPOILERS

Por causa da pandemia do coronavírus (COVID-19), a 17ª temporada de Grey’s Anatomy será diferente. Primeiro, a trama será a própria pandemia.

Depois, para explicar o corte do 16° ano, a história terá um salto no tempo. Como os fãs podem imaginar, algumas coisas devem mudar com esse recurso na trama.

Uma delas é que a história de Teddy Altman (Kim Raver) e Owen Hunt (Kevin McKidd) terá muito mais drama. A showrunner Krista Vernoff garantiu que o casal está “destruído”.

Os dois deveriam se casar, porém Teddy estava traindo Owen com Tom Koracick (Greg Germann). O fato foi descoberto e depois o casório foi adiado.

Para o TV Insider, a chefe de Grey’s Anatomy deu o indicativo. Apesar de dizer que os personagens estão “destruídos”, a produtora não diz se eles podem ou não ficar juntos.

“Nós estamos passando pela história de um jeito dramático. Teddy está destruída da mesma forma que pessoas ficam quando estragam suas vidas”, declarou Krista, confirmando que Owen também está “destruído”.

Estreia da nova temporada de Grey’s Anatomy

Grey’s Anatomy deve demorar um pouco para chegar com a 17ª temporada. Geralmente, a série médica estreia novos episódios no começo do segundo semestre.

Mas, em 2020, a pandemia do coronavírus (COVID-19) atrapalhou os planos. Além de encerrar antes a 16ª temporada, o novo ano foi adiado.

Nos Estados Unidos, a estreia está marcada para 12 de novembro. Em contrapartida, os fãs brasileiros terão que esperar mais um pouco – mas não tanto.

Nas redes sociais, o canal Sony anunciou que a 17ª temporada de Grey’s Anatomy chega em janeiro de 2021. No Brasil, a emissora é responsável pela exibição na TV.

Apesar do anúncio, uma data específica não foi revelada. Enquanto isso, os fãs podem ver a série na Amazon Prime Vídeo, Netflix e Globoplay.

Confira abaixo a publicação do canal Sony sobre Grey’s Anatomy.

Publicidade