Recentemente, a Netflix fez a alegria dos fãs de dramas históricos e séries épicas com o lançamento de Bárbaros, produção alemã que traz à TV uma das batalhas mais eletrizantes da história do povo germânico. Com 6 episódios, a minissérie conquistou fãs no mundo inteiro e se estabeleceu entre as mais assistidas da Netflix.

A série é ambientada no século I, época em que o Império Romano guerreava com vários povos tribais conhecidos como ‘bárbaros’, nomenclatura que incluía os celtas, germânicos e gauleses.

A trama de Bárbaros foca na história de Arminius, um comandante do exército romano que tenta escolher entre o Império que o criou e seu próprio povo, às vésperas de um dos conflitos mais importantes da era medieval: A Batalha da Floresta de Teutoburgo.


Com o desenvolvimento da temporada, muitos espectadores ficaram em dúvida sobre a veracidade histórica dos eventos da série, especialmente da trama da guerreira Thusnelda.

Confira abaixo tudo sobre a personagem e sua inspiração da vida real!

Figura histórica

Em Bárbaros, Thusnelda é uma das destemidas guerreiras que aliam às forças aos clãs germânicos com o objetivo de prevenir a expansão do Império Romano e a destruição das culturas ancestrais.

A personagem, uma das mais importantes da série, é interpretada pela atriz alemã Jeanne Goursaud, de 24 anos.

Fãs ficarão felizes em saber que Thusnelda é completamente baseada em uma figura histórica da vida real!

De acordo com registros históricos, Thusnelda nasceu na região que hoje em dia é a Alemanha. Em meados do ano 10 d.C, a jovem foi capturada por um general romano, mas mesmo assim conseguiu se juntar ao lado contrário na Batalha da Floresta de Teutoburgo.

Assim como a personagem da série, a Thusnelda da vida real era uma mulher nobre, filha do Príncipe Segestes, líder de uma das tribos mais antigas da Germânia.

Em sua captura, Thusnelda desenvolveu um relacionamento interessante com o general Arminius, e chegou a gerar um dos filhos do comandante, vivendo por um tempo desconhecido como “esposa oficial” do romano.

A captura de Thusnelda ficou famosa no Império Romano, sendo utilizada como exemplo da firmeza e particular controle dos métodos das tropas.

Thumelicus, o filho do casal, foi treinado como gladiador no Norte da Itália, e morreu na adolescência durante uma performance perigosa.

Pouco se sabe sobre a maturidade e velhice de Thusnelda. A personagem histórica desaparece completamente dos registros, e não se sabe exatamente quando e como ela morreu.

Bárbaros também mostra Thusnelda como uma vidente, algo que não encontra muitas referências em registros históricos comprovados.

A relação de Thusnelda e Arminius é até hoje a causa de debates entre estudiosos e historiadores.

“O relacionamento entre Thusnelda e Arminius é muito interessante. Eles podem ter sido casados, mas as memórias do historiador romano Tacitus inclui um discurso do Príncipe Segestes, no qual ele afirma que Arminius sequestrou Thusnelda enquanto a filha já estava prometida a outro líder germânico”, afirmou um especialista do site AcientHerstories.com.

Bárbaros está disponível na Netflix.