A Maldição da Mansão Bly pode estar mentindo para fãs da Netflix

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Alerta de spoilers!

A dama do lago é um dos elementos mais importantes de A Maldição da Mansão Bly, servindo como principal vilã da história, prendendo os fantasmas naquele local. Uma teoria, contudo, aponta que ela pode não existir.

Previamente conhecida como Viola, a dama do lago era a dona original da mansão. Ela adoeceu e faleceu logo jovem e seu espírito permaneceu no local. Sua irmã se casou com o marido de Viola, o que a deixou cheia de rancor, transformando-a em um espírito vingativo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No Reddit, o usuário u/ChrisHaze aponta que toda a história da dama do lago pode ser invenção de Jamie, jardineira da Mansão Bly e parceira de Dani. Ela amava Dani e teria inventado a história para ajudá-la com seus problemas psicológicos.

A teoria aponta que Dani sofre de depressão ou grande ansiedade e diz que a história da dama do lago foi criada a fim de trazer algum conforto para Dani. Dessa forma, seus problemas psicológicos ganham um nome, tornando-os menos assustadores.

Vale lembrar que, nos anos 1980, o estigma de doenças mentais era maior do que hoje em dia, portanto ao trabalharem com metáforas, os personagens poderiam lidar melhor com esse problema.

Derrotando a dama do lago, portanto, seria como derrotar os traumas do passado e tudo que gerava ansiedade em Dani.

Sotaques controversos

A Maldição da Mansão Bly conquistou fãs ao redor do mundo, mas há um problema que vem sendo ressaltado pelos espectadores: os sotaques “britânicos” dos atores.

Nas redes sociais, vários fãs ingleses e escoceses estão reclamando da forma como os atores tentaram incorporar os sotaques britânicos, com muitos dizendo que os astros da série, incluindo Carla Gugino, apresenta sotaques diferentes a cada palavra.

“Manobra ousada da narradora de A Maldição da Mansão Bly em usar diferentes sotaques regionais britânicos para cada palavra”, tuitou um fã.

“Consigo perdoar muitas coisas, mas as tentativas de sotaques britânicos em A Maldição da Mansão Bly são mais perturbadores do que a série em si”, escreveu uma fã.

“Teria sido perfeitamente esplêndido se as pessoas começassem a usar escoceses de verdade para papeis escoceses. Aquele sotaque foi a coisa mais horrível em A Maldição da Mansão Bly”, tuitou outro fã.

“Desculpem-me, eu amo Carla Gugino, mas literalmente após segundos assistindo A Maldição da Mansão Bly já fiquei distraída por esse esquisito sotaque de toda a Inglaterra ao mesmo tempo que ela está fazendo”.

A Maldição da Mansão Bly está disponível na Netflix. Veja os tuites originais, abaixo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio