Enfim explicado por que Lucifer forma curioso casal

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

ALERTA DE SPOILERS

O romance entre Dan e Ella em Lucifer deixou muitos fãs surpresos. Ninguém poderia imaginar que esse curioso casal seria formado na Netflix.

O casal é criado a partir de uma diferente porção de ingredientes. Ella perdeu a fé em Deus e Dan ainda se sentia culpado pela morte de Charlotte.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os dois estavam para baixo e isso os juntou. Desde o início, fãs de Lucifer sabiam que o casal era curioso e que possivelmente estava condenado a fracassar.

Porém, até então, ninguém sabia exatamente o motivo da formação desse casal. Isso mudou com a declaração do showrunner Joe Henderson para o AssignmentX.

Um dos chefes de Lucifer finalmente explicou o motivo de formar o casal.

“É deixar que os personagens contem para onde estão indo. Muito daquela temporada foi sobre quebrar os dois, como Ella e Dan perderem a fé”, contou Henderson, que admitiu que dois personagens tristes é a fórmula para um romance.

“Então, temos esses dois personagens para baixo e queremos que eles estejam com alguém. Quando estávamos falando, pensamos, por que não juntar eles?”, completou o chefe de Lucifer.

Lucifer na Netflix

Na quinta temporada, Lucifer apresenta um novo desafio. Como mostrado em prévias da Netflix, Michael (ou Miguel), arcanjo irmão gêmeo do protagonista, chega para tentar assumir o lugar dele.

Isso para os fãs significa ter Tom Ellis em dobro. O protagonista também fica com o papel do vilão Michael.

A série usou o figurino dos personagens e o sotaque para diferenciá-los, o que acaba sendo divertido para os fãs. O elenco de Lucifer tem ainda Lauren German.

“Entediado com a vida nas trevas, o diabo se muda para Los Angeles, abre um piano-bar e empresta sua sabedoria a uma investigadora de assassinatos”, diz a sinopse da Netflix.

Lucifer tem cinco temporadas na Netflix. Os novos episódios, da segunda parte do quinto ano, ainda não têm previsão.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio