A Netflix tem sua própria Supernatural, intitulada Paranormal. A diferença é que a trama se passa cinco décadas antes e traz um senhor de idade, no lugar de dois galãs.

Com o fim de Supernatural, pode ser uma boa opção para os fãs.

A trama gira em torno de Refaat Ismail e se passa em 1969, no Cairo. Professor universitário, ele começa a presenciar atividades paranormais e logo se torna um investigador de tais fenômenos.


Baseada na série de livros de mesmo nome de Ahmed Khaled Tawfik, a série conta com um humor bem sombrio, de forma até bastante similar a Supernatural.

Grande parte desse humor vem da interpretação de Ahmed Amin, que vive o protagonista. O personagem é uma figura bem triste e ele consegue extrair humor disso.

“Eu odeio este dia, então vou vestir meu terno estiloso, o terno azul que me torna extremamente atraente”, é uma das narrações que ouvimos ao longo da série.

Caso da semana

Em termos estruturais, Paranormal segue o velho caso da semana, mas isso funciona a favor da série, trazendo boas novidades a cade episódio.

Isso somado ao protagonista mais fora do comum, fugindo do clássico “cara bonito” como é o caso de Supernatural.

Além disso, vale ressaltar que essa é a primeira produção egípcia na Netflix, o que abre caminho para mais programas do país na plataforma daqui para a frente.

Especialmente se considerarmos que a temática é bem popular atualmente, portanto deve atrair uma boa quantidade de espectadores.

Paranormal já está disponível na Netflix.