Os Simpsons: Inesperado retorno de clássico personagem é de partir o coração; veja

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A 25ª temporada de Os Simpsons trouxe o retorno inesperado de um clássico personagem da série animada. Infelizmente, essa aparição surpresa ocorreu de forma um tanto trágica para Lisa Simpson.

Trata-se do Sr. Bergstrom, antigo professor substituto de Lisa. Dessa vez, ele chega a ir para a casa da aluna para vê-la, mas ela acaba não vendo que ele está por ali, visto que estava distraída conversando com alguém ao telefone, no andar de cima.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Sr. Bergstrom é uma figura bastante importante em um episódio específico da série, mais especificamente no 19º da 2ª temporada.

Ele prova realmente se preocupar com seus alunos e quando Lisa descobre que ele vai embora, ela fica de coração partido. Na estação de trem ela chega a pedir para ele ficar, visto que somente ele consegue entendê-la emocionalmente.

Antes de ir embora, o Sr. Bergstrom escreve um bilhete para Lisa e diz para ela ler sempre que estiver se sentindo triste ou solitária. Ao abrir o bilhete, ela lê: “Você é Lisa Simpson”.

O personagem dos primórdios de Os Simpsons é essencial para a formação da auto-estima da garota e a produção do desenho parece não ter se esquecido disso.

Piada com Trump gera problemas para o desenho

Os Simpsons já fez algumas piadas com Donald Trump, antes mesmo dele se tornar presidente dos EUA. Mas o recente episódio de Halloween do desenho acabou tendo problemas com uma piada em particular sobre o político estadunidense.

No Treehouse of Horrors XXXI, Homer vai até as urnas votar e, conforme preenche a cédula, ele pensa alto em quem deveria votar.

Com isso, Lisa entra no local e diz para ele não se esquecer de tudo que aconteceu nos últimos quatro anos. Com isso, ele e a audiência veem uma lista passando na tela, com 50 razões para não votar em Donald Trump.

O produtor executivo de Os Simpsons, Al Jean, chegou a falar sobre essa piada em entrevista a Marissa Roffman, do Give Me My Remote.

“Temos o presidente mais polarizador da História. Quando começamos há 30 anos, eu tinha tendências conservadoras e pensei que deveríamos ser neutros. Mas as coisas ficaram tão malucas – e isso é só a minha opinião, não a da série”.

“Trump fez tantas coisas ilegais, conforme documentadas pelo New York Times, que pensamos que isso ficou maluco demais. Nenhum presidente na minha vida violou as políticas dessa forma. Não dá para ser neutro quando o sujeito em questão não é neutro, essa é a minha visão”.

O produtor ainda relatou que essa piada gerou problemas para os roteiristas de Os Simpsons, visto que novos escândalos ocorrem o tempo todo no governo de Donald Trump.

Tendo em vista que muitas das piadas foram escritas há um ano, eles tiveram de retornar constantemente para o episódio a fim de mudar o que aparecia listado dentre os motivos para não votar em Trump.

Veja uma imagem do capítulo de Os Simpsons, abaixo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio