The Crown já vai durar uma temporada a mais do que foi inicialmente planejado, com a sexta temporada já confirmada. Agora, o autor da biografia Encontrando liberdade, de Harry e Meghan Markle, disse que a Netflix pode querer fazer uma temporada com os príncipes William e Harry adultos.

Em episódio do podcast Heirpod, o autor Omid Scobie disse ter escutado rumores de que a Netflix considera a possibilidade de estender a série.

“Já há muita conversa sobre as temporadas cinco e seis. Elas já foram confirmadas. Originalmente, a série acabaria antes de William e Harry se tornarem adultos”.


Com a renovação para a sexta temporada, o showrunner de The Crown, Peter Morgan, disse que não abordariam o tempo presente, apenas poderiam focar em mais detalhes das épocas retratadas no seriado.

Isso pode mudar, caso a série continue com mais temporadas. Outra possibilidade é a criação de uma derivada, visando explorar as vidas adultas de William e Harry.

Problemas para a família real

O príncipe Harry e Meghan Markle causaram muita polêmica ao deixaram a família real para perseguirem seus próprios sonhos. Pouco após, eles assinaram um acordo sem precedentes com a Netflix, que acabou sendo criticado por muitos.

Essas críticas, claro, dizem respeito ao fato da Netflix ter como uma das suas principais séries The Crown, que muitas vezes expõe detalhes sórdidos da família real britânica – sejam eles verdadeiros, ou não.

Alguns especialistas sobre a família real, como o biógrafo da princesa Diana, Andrew Morton, consideram essa relação de Harry com a Netflix irrelevante para o cenário geral.

“O fato de Meghan e Harry terem feito um acordo com a Netflix, que exibe The Crown, é irrelevante – é como dizer que a rainha não deveria usar a BBC para sua transmissão de natal, porque eles exibiram a entrevista do Panorama com a princesa Diana”.

Outros biógrafos, contudo, como Sally Bedell Smith, ficaram desapontados com Harry.

“É um gigantesco conflito de interesses para Harry e Meghan terem um acordo tão lucrativo com a Netflix, a mesma produtora de uma série de TV que se passa como fato, mas é uma versão altamente fictícia da história da família de Harry”.

Hugo Vickers, que escreveu uma biografia da Rainha mãe, Elizabeth, está similarmente desapontado com a aliança de Harry Com a Netflix. Para ele, a Netflix “literalmente comprou um membro da família real”.

O já citado Andrew Morton também considera que a monarquia britânica deveria estar agradecendo a Netflix.

The Crown fez mais para acender o interesse mundial na monarquia britânica do que qualquer televisão na História. Ela tenta e consegue transformar figuras bidimensionais em humanos vivos”.

Em todo caso, parece que The Crown não irá embora tão cedo, tendo se tornado uma das séries de maior sucesso da Netflix.

As quatro temporadas de The Crown estão disponíveis na Netflix.