O universo de TV da Marvel fora do Disney+ continua a ficar menor. O Hulu anunciou que Helstrom, a adaptação da Marvel Comics com um toque de terror, não retornará para uma segunda temporada na rede de streaming.

Helstrom seguiu Daimon (Tom Austen) e Ana Helstrom (Sydney Lemmon), uma dupla de irmão e irmã que estava tentando rastrear seu pai. Conhecido mundialmente como um notório assassino em série, ele também é outra coisa – algo pior.

A série obteve uma recepção morna dos fãs e insignificantes 27% no Rotten Tomatoes.


Série cancelada

O final da série não é especialmente surpreendente, mas é sempre difícil para o elenco, equipe e fãs de qualquer seriado quando ele não volta. Nesse caso, eles esperavam que fosse tudo feito, porque (como a Variety, que deu a notícia, observa) este é o último resquício do tempo de Jeph Loeb como chefe da Marvel TV.

Um par de séries animadas produzidas por Loeb para o Hulu – Hit-Monkey e M.O.D.O.K. – permanece em desenvolvimento, embora seja improvável que alguém vá se sentar e especular sobre seu nível de conectividade com o MCU.

Essa tinha sido uma marca registrada de projetos anteriores da Marvel TV, sejam eles as séries da Netflix, Agents of SHIELD, da ABC, ou programas em redes menores como Legion da FX ou Cloak & Dagger da Freeform.

No caso de Helstrom, os fãs ainda se perguntavam, mas os produtores rejeitaram a ideia.

“Não estamos vinculados ao MCU. Somos uma coisa separada”, disse o produtor executivo Paul Zbyszewski em outubro.

“Há referências na série com certeza, mas elas são mais voltadas para o universo de Helstrom e aquele universo do Motoqueiro Fantasma.”

Claro, o próprio Motoqueiro Fantasma havia realmente aparecido em Agents of SHIELD, o projeto de TV mais associado aos filmes da Marvel, mas isso não está aqui nem ali. “Mais associado” é um título que não durará muito: em breve, o Disney+ lançará uma lista gigantesca de séries da Marvel que estão entrelaçadas com os filmes e os atores principais do cinema.

WandaVision será lançada em janeiro, seguida por Falcão e o Soldado Invernal em março. Loki de Tom Hiddleston finalmente consegue sua própria série solo em maio, e ao longo de 2021 e 2022, seriados como Mulher-Hulk, Gavião Arqueiro e outros estão programados para estrear.

Combinado com um retorno à programação de cinema “normal”, parece que os fãs dificilmente passarão um mês sem novo conteúdo da Marvel no futuro próximo – mesmo que Os Novos Mutantes e Helstrom provem que a Disney tem pouco interesse em explorar o lado mais assustador do MCU agora.