Johnny Depp aparece em The Walking Dead e ninguém notou; veja

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com mais de uma década de episódios em seu currículo, The Walking Dead da AMC é realmente um seriado como nenhum outro.

Com a série indo ao ar na rede por tanto tempo, as inúmeras pessoas que contribuem para cada temporada ficaram bastante próximas naquele tempo, criando assim uma camaradagem nos bastidores que a maioria das séries não consegue replicar.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

De guerras sem fim a partidas de partir o coração, a cultura dos bastidores de The Walking Dead carrega um peso emocional semelhante a ser parte de uma família verdadeira – e, nesse mesmo sentido, todos que dedicam seu tempo ao seriado gostam de ter algum diversão sempre que puderem.

Isso é especialmente óbvio quando olhamos para o departamento de adereços, liderado pelo guru da maquiagem de efeitos especiais Greg Nicotero (que também dirige e é coprodutor executivo da série).

Em março de 2016, no meio da sexta temporada da série, o episódio intitulado “Not Tomorrow Yet” envolveu Rick Grimes (Andrew Lincoln) indo à caça de cabeças decepadas como parte de um elaborado plano para se infiltrar no grupo de Negan (Jeffrey Dean Morgan).

Isso significava que Nicotero e sua equipe tiveram que preparar algumas cabeças artificiais para usar no programa. Uma cabeça falsa se parecia muito com o próprio ex-Gellert Grindelwald, Johnny Depp – contribuindo, indiscutivelmente, para a participação especial de celebridade mais heterodoxa da série até hoje.

Esse momento surpreendeu muitos fãs, já que um nome tão grande não havia aparecido de forma alguma em The Walking Dead antes, deixando mais perguntas do que respostas.

Felizmente, Nicotero recentemente conversou com a Entertainment Weekly e lançou alguma luz sobre como a cena de Johnny Depp apareceu nas televisões em todos os lugares.

Bizarra “participação especial”

Conversando com o site, Nicotero finalmente confirmou que a semelhança da cabeça decepada com Depp não era mera coincidência: “Uma das outras cabeças, não sei se vou ter problemas se disser isso, era Johnny Depp.”

Ele então explicou o que aconteceu na produção do adereço, dizendo: “Acho que esculpimos uma versão emaciada de uma cabeça de boneco para alguma coisa e usamos a cabeça de Johnny Depp como base apenas para uma escultura de argila.”

Dado que um dos outros crânios usava sua própria semelhança, Nicotero acrescentou brincando que “ele” estava em “boa companhia” ao lado da lenda do cinema.

Nicotero também mencionou que o ator por trás de Daryl Dixon, Norman Reedus – um homem conhecido por sua extensa coleção de adereços de The Walking Dead – rapidamente expressou seu desejo de obter algumas novas adições ao seu arquivo cada vez maior.

“Norman dizia que queria as cabeças quando terminássemos de filmar. Eu disse que tínhamos que esperar até que a imagem fosse registrada”, disse Nicotero.

Como quis o destino, o ator de Santos Justiceiros finalmente colocou as mãos nas cabeças sem corpo – imortalizando para sempre a bizarra participação especial de The Walking Dead de Johnny Depp em seu próprio museu pessoal.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio