Revelado por que personagem precisou morrer em The Walking Dead

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Bob Stookey (Lawrence Gillard, Jr.) teve um final trágico na quinta temporada de The Walking Dead, mas por quê? Ele foi um membro importante do grupo de Rick que se juntou fora da tela no intervalo entre a terceira e a quarta temporada.

Bob permaneceu com eles até o final da batalha com o Governador (David Morrissey). Depois que todos se separaram, Bob foi colocado na companhia de Maggie (Lauren Cohan) e Sasha (Sonequa Martin-Green), com quem se envolveu romanticamente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O tempo de Bob em The Walking Dead estava chegando ao fim quando o grupo foi finalmente reunido no final da quarta temporada. Pouco depois disso, todos foram capturados e presos por Gareth (Andrew J. West) e os canibais em Terminus. Eles escaparam, mas o pessoal de Gareth conseguiu capturar Bob novamente.

Depois de cozinhar e comer a perna de Bob, os canibais foram atingidos por um grande choque quando Bob revelou que havia sido mordido em um encontro anterior com zumbis. Aparentemente, Bob já estava às portas da morte neste momento.

Essa descoberta acelerou a derrota dos canibais, mas não havia nada que pudesse ser feito por Bob, que foi levado à igreja de Gabriel, onde teve permissão para passar suas horas finais com Sasha.

O produtor executivo de The Walking Dead, Greg Nicotero, explicou em detalhes a história por trás da morte de Bob e por que isso aconteceu. A morte de Bob foi emprestada da história em quadrinhos original de Dale.

Nos quadrinhos, foi Dale quem fez a grande revelação da “carne contaminada” ao ver sua perna ser comida pelos canibais. Já que Dale morreu na segunda temporada, esse destino teve que ser dado a um personagem diferente.

Por que teve que morrer?

Os escritores e produtores escolheram essa pessoa para ser Bob porque, como Nicotero explicou em uma entrevista ao Hollywood Reporter, “infelizmente era hora de Bob ir”. Foi determinado que The Walking Dead deveria terminar com ele porque ele havia cumprido seu propósito, que iria impulsionar a história de Sasha.

Nicotero disse que a decisão de Bob de conseguir o final dos quadrinhos de Dale foi tomada quando eles começaram a planejar o arco de Terminus. De acordo com Greg Nicotero, Bob é um exemplo de personagem que os escritores originalmente queriam manter, mas foi em uma direção diferente por causa da história.

Nicotero também disse que queria ficar perto do material de origem, o que indica que matar personagens que não deveriam morrer ainda estava fora de cogitação. Em relação à história de Bob, eles já haviam se desviado dos quadrinhos para mantê-lo com o grupo, pois o personagem de quadrinhos ficou em Woodbury e viveu o resto de sua vida lá.

Foi uma pena que Bob não conseguiu chegar a Alexandria com o resto dos personagens principais na quinta temporada, mas ele contribuiu com algumas histórias interessantes para a série, devido em parte à sua luta contra o vício do álcool.

Conforme observado por Nicotero, ele também teve muito a ver com o desenvolvimento de personagem de Sasha. Ela acabou se tornando uma das personagens mais importantes da série até sua própria morte na oitava temporada de The Walking Dead, e uma grande parte disso foi graças à influência de Bob.

The Walking Dead retornará com novos episódios em fevereiro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio