Serpente do Mar de Vikings é real? Veja a verdade

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Atenção! Contém spoilers da temporada final de Vikings!

Vikings chegou ao fim! A saga de Ragnar Lothbrok e seus filhos emocionou fãs com o lançamento dos últimos episódios, que chegaram à Netflix no último dia de 2020.

Como uma das produções de época mais populares da atualidade, o cancelamento da produção surpreendeu muita gente. A sexta temporada foi anunciada como a última ainda em 2019.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A série ainda deve ganhar um derivado no futuro, possivelmente produzido pela Netflix. Mesmo assim, alguns fãs continuam revoltados com o fim de Vikings.

Em uma temporada final repleta de referência à mitologia nórdica, um momento do décimo terceiro episódio chamou a atenção dos fãs.

Confira abaixo tudo sobre Jörmungandr e seu papel na trama de Vikings!

A Serpente do Mundo

Em “The Signal”, Ubbe e um grupo de viajantes deixa a isolada comunidade da Islândia em busca da “Terra Dourada” prometida pelo andarilho Othere.

Na viagem de barco, a tripulação é atingida por uma enorme tempestade, que termina com um dos momentos mais trágicos da temporada final.

No barco de Ubbe, Torvi cuida de seu bebê recém-nascido e de Asa, sua filha com Bjorn. Em à tempestade, a guerreira conta à filha a história da Serpente do Mundo, uma das criaturas mais interessantes da mitologia nórdica.

Com o crescimento da tempestade, Asa começa a enxergar a imponente imagem da serpente lendária, que se ergue do mar e levanta a cabeça agitando todo o oceano.

Nesse momento, Asa cai do barco e é levada pelas ondas, morrendo logo em seguida. Torvi entra em desespero, chorando e gritando pela morte da pequena.

A cena da Serpente já havia aparecido nos trailers da temporada final de Vikings, e muitos fãs se perguntaram se a criatura é real.

Analisando a trama do episódio, é possível concluir que a Serpente foi apenas uma visão de Asa, criada pela mente criativa da criança e a descrição feita por Torvi no momento da tempestade.

Na mitologia

Na mitologia nórdica, Jörmungandr é a segunda filha do deus Loki com a giganta Angrboda. A criatura enorme é irmã do lobo Fenrir e de Hela, a Deusa dos Mortos.

Segundo a Edda em Prosa, Odin castigou os três filhos de Loki pelas infrações do Deus da Trapaça. Fenrir foi preso por uma corrente invisível, Hela foi enviada ao Mundo Inferior de Helheim e Jörmungandr foi jogada no fundo do oceano.

A Serpente passou a crescer de maneira incontrolável, cobrindo toda a base do oceano com seu corpo e mordendo a própria cauda – assim como a famosa iconografia mística Ouroboros.

Com isso, Jörmungandr ganhou a alcunha de Serpente de Midgard (Midgårdsormen), ou Serpente do Mundo.

A criatura é a grande rival do deus Thor, cujos feitos são contados por Torvi na temporada final de Vikings.

De acordo com as lendas nórdicas, Jörmungandr vai se livrar de sua “prisão” marítima no Ragnarök, o apocalipse da mitologia viking. A Serpente se erguerá no oceano e provocará ondas gigantes e maremotos, sendo responsável por uma parte importante da destruição do mundo.

A profecia afirma que Jörmungandr finalmente será morta por Thor após uma batalha de vários dias. Contaminado pelo veneno da Serpente, o Deus do Trovão também sucumbe aos ferimentos e acaba morrendo.

A temporada final de Vikings já está disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio