Outlander faz sucesso em todo o mundo, sendo distribuído pela Amazon Prime Video e Netflix em diversos territórios. Os fãs podem ter uma notícia boa em breve, ao passo que negociações estão ocorrendo acerca de uma derivada do seriado.

Em matéria publicada por Lesley Goldberg e Daniel Fienberg, no THR, o produtor executivo e roteirista Ronald D. Moore (também conhecido como Ron Moore), um dos responsáveis pela adaptação televisiva de Outlander, falou sobre as novas temporadas e a derivada.

“Negociações estão ocorrendo em relação à sétima temporada e uma série derivada e acho que teremos boas notícias sobre esses dois assuntos. Estou bem otimista em relação a isso”, disse Moore.


“Teria ficado feliz em ver isso acontecendo antes, mas tudo acontece no seu tempo. Acho que essas duas coisas vão se tornar realidade e tenho esperanças de que poderemos revelar algo em breve”, continuou o produtor executivo de Outlander

Ronald D. Moore foi responsável por outras obras de destaque e muito elogiadas, como Battlestar Galactica (2004) e Caprica.

Revolução em nova temporada de Outlander

A nova temporada de Outlander está em produção e o showrunner Matthew B. Roberts prometeu uma revolução nesse sexto ano do seriado.

Em entrevista à Julie Kosin, da Elle, o chefe da série descreveu sua visão para a nova temporada.

“Acho que o que está acontecendo no mundo nessa época, 1775, é realmente similar ao que acontece a Jamie e Claire. Vai acontecer uma revolução com eles também e acho que isso é o que vai acontecer ao longo da temporada”.

“Tem uma fundação e quando essa fundação é abalada e há uma revolução, você precisa lidar com isso”, continuou o showrunner de Outlander. “Esse é o tema da temporada”.

Pelo jeito, a relação de Jamie e Claire será abalada mais uma vez nessa temporada. Resta aguardar para saber o que há pela frente para o casal.

No Brasil, Outlander pode ser assistido na Netflix.