Segredo nojento de Grey’s Anatomy é revelado

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Atenção! Contém spoilers de Grey’s Anatomy.

Com 16 temporadas e mais de 350 episódios lançados, Grey’s Anatomy conquistou milhões de fãs no mundo inteiro e se tornou o drama médico mais duradouro de todos os tempos.

A série exibiu neste ano o final de sua décima sexta temporada, encurtada devido à pandemia do coronavírus. Agora, com a exibição do 17º ano nos EUA, fãs estão impressionados com os desenvolvimentos da trama.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em uma temporada que vai focar principalmente nos efeitos da pandemia sobre os hospitais e os médicos, grandes acontecimentos já foram confirmados no enredos dos personagens mais importantes.

Muitos fãs não sabem, mas os bastidores da produção escondem impressionantes segredos.

Confira abaixo!

Fiel à realidade?

Embora seja ambientada em um hospital, Grey’s Anatomy já foi bastante criticada por tratar temas médicos sem consideração pela realidade, ignorando as verdadeiras realidades de uma instituição de saúde.

As principais críticas à maneira como Grey’s Anatomy aborda temas médicos se relaciona com o teor ultra dramático das histórias contadas. 

Em uma entrevista recente, médicos avaliaram os aspectos da medicina mostrados na série, e criticaram principalmente o jeito que os personagens reagem à situações de vida ou morte.

“Grey’s Anatomy é mais um romance melodramático do que uma série médica. Você nunca veria um estagiário praticando cirurgias sozinho, superiores sendo desconsiderados e residentes cometendo essa quantidade enorme de erros na vida real”, afirmou o Dr. Ross Kopelman.

A enfermeira Mary Sweeney concordou com a opinião do médico.

“Poucas séries me fazem revirar os olhos como Grey’s Anatomy. É a realidade mais afastada dos hospitais da vida real”, afirma a enfermeira.

O visual das cenas de cirurgia de Grey’s Anatomy é bastante impressionante! Mesmo utilizando poucos efeitos especiais, a série consegue criar com maestria a aparência de órgãos e tecidos humanos.

Em uma entrevista ao site RTE, a atriz Sarah Drew revelou o grande segredo dos “órgãos humanos” mostrados em Grey’s Anatomy.

“Nós trabalhamos com órgãos de verdade! Mas são órgãos bovinos, órgãos de vacas. O cheio era realmente repulsivo, e sempre nos dava ânsia de vômito. E nós ainda usávamos ferramentas de solda reais para suturar os órgãos. O cheiro é de carne queimando. Também utilizamos muito silicone e uma espécie de sangue artificial – que era feito com gelatina, sangue e gordura de frango. Realmente nojento”, comentou a intérprete de April Kepner.

A 17ª temporada de Grey’s Anatomy está atualmente em seu hiato de férias.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio