A vindoura série do HBO Max, Generation, criou polêmica ao usar animais mortos durante gravação, fazendo com que dois figurantes deixassem a produção.

Em uma cena ambientada em uma aula de biologia, a produção usou gatos mortos de verdade para que fossem dissecados pelos atores.

A usuária do Twitter @Lilith_Rosex chegou a relatar o ocorrido na rede social.


“Um amigo na indústria disse que a HBO tem uma série nova chamada Generation. A produção é de Lena Dunham e nesta semana eles usaram gatos mortos de verdade para serem dissecados no set. Sem aviso, as pessoas tiveram reações de trauma”, tuitou.

Essa mesma pessoa ainda disse que um dos operadores de câmera testou positivo para COVID-19, mas a produção não disse isso para o elenco e equipe previamente.

Resposta da HBO Max

Depois de serem contatados pela Variety, conforme matéria de Kate Aurthur, um representante do HBO Max disse:

Generation retrata as experiências, sem filtros, de estudantes do ensino médio e parte de vários momentos da formação dos roteiristas da série. A produção recentemente gravou cenas mostrando uma aula de biologia envolvendo a dissecação de animais. Eles foram adquiridos de forma ética, sob consulta da American Humane, por meio de uma companhia de suprimentos biológicos, que trabalha com escolas”.

“Todos os envolvidos foram informados previamente que essa seria uma cena delicada, envolvendo dissecação de verdade. Os assistentes de direção checaram regularmente com os participantes no set e dois figurantes, que expressaram desconforto, foram liberados, tendo sido pagos integralmente”, continua a declaração.

“No entanto, após mais conversas com a equipe criativa, a cena está sendo reescrita e não aparecerá na série. Estamos profundamente arrependidos que isso tenha ocorrido”, conclui a declaração.

Ainda não há previsão de estreia para Generation, no HBO Max.