Atriz de Descendentes estrela série live-action de As Meninas Superpoderosas

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A CW encontrou o elenco principal de sua versão em live-action de As Meninas Superpoderosas.

Dove Cameron (Descendentes), Chloe Bennet (Agents of SHIELD) e Yana Perrault (Jagged Little Pill, da Broadway) foram escolhidas para estrelar a versão em live-action do canal da amada série de animação do Cartoon Network, de acordo com o Hollywood Reporter.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Aprovado para um piloto recentemente, o seriado gira em torno das Meninas Superpoderosas, que costumavam ser jovens super-heroínas dos Estados Unidos.

Agora elas estão desiludidas com vinte e poucos anos e se ressentem de terem perdido a infância para o combate ao crime. Elas concordarão em se reunir agora que o mundo precisa delas mais do que nunca?

Estrelas no elenco

Cameron interpretará Lindinha, cuja disposição doce conquistou corações quando criança.

Ela ainda brilha como uma adulta, mas seu exterior encantador esconde uma dureza e inteligência inesperadas. Na série, ela está inicialmente mais interessada em recapturar sua fama do que em salvar o mundo, mas ela pode ter uma grande surpresa.

Cameron ganhou um Emmy Diurno por seu papel em Liv e Maddie do Disney Channel em 2018 e conta com Descendentes da Disney e Hairspray Live! da NBC entre seus créditos. O elenco reúne Cameron com Bennet, já que elas trabalharam juntas em Agents of SHIELD, série da Marvel.

Bennet foi escalada como Florzinha, que, embora fosse uma criança corajosa, conscienciosa e perfeita que possui vários graus avançados, o trauma reprimido de super-heroína infantil de Florzinha a deixou ansiosa e reclusa, e ela pretende se tornar uma líder novamente – desta vez em seus próprios termos.

Os créditos de Bennet também incluem Nashville, da ABC.

Perrault completa o trio principal como Docinho, que foi a durona rebelde das Meninas Superpoderosas em seu apogeu. Mais sensível do que seu exterior resistente sugere, Docinho passou sua vida adulta tentando se livrar de sua identidade de Menina Superpoderosa e viver uma vida anônima.

Perrault foi vista mais recentemente na Broadway no musical Jagged Little Pill, de Alanis Morissette. Antes da pandemia, a cantora estava prestes a se juntar ao elenco de Hamilton.

Baseada na série de animação original do Cartoon Network e personagens criados por Craig McCracken, a série em live-action terá Heather Regnier (Veronica Mars, Sleepy Hollow) e Diablo Cody (Juno) como roteiristas.

A dupla também cuidará da produção ao lado de Greg Berlanti e de sua parceira comercial da Berlanti Productions, Sarah Schechter, e do executivo de TV, David Madden. Maggie Kiley também produz e dirigirá o piloto.

Ainda não há data de lançamento para a versão em live-action de As Meninas Superpoderosas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio