Está com WandaVision? Veja linha do tempo de Falcão e o Soldado Invernal

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O próximo capítulo do MCU está agora em pleno andamento, e Falcão e o Soldado Invernal procurará continuar o impulso após o sucesso inicial de WandaVision.

Criada por Malcolm Spellman, a série será muito mais realista do que a primeira parte da Fase 4, já que girará em torno dos dois melhores amigos de Steve Rogers, Sam Wilson e Bucky Barnes.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desde o início, ficou estabelecido que Falcão e o Soldado Invernal será um seriado repleto de ação, e isso foi ampliado pela grande quantidade de trailers que foram lançados recentemente.

Além disso, o próximo seriado da Marvel abordará um mundo sem o Capitão América ao mesmo tempo em que fará um mergulho profundo no legado do membro dos Vingadores.

Agora, um novo relatório revelou outro ponto importante da trama que Falcão e o Soldado Invernal irá explorar.

Qual é a linha do tempo da série?

O Collider compartilhou em um relatório que Falcão e o Soldado Invernal ocorre pelo menos seis meses após os eventos revolucionários de Vingadores: Ultimato.

Para contextualizar, WandaVision ocorreu cerca de um mês após Vingadores: Ultimato, o que significa que há uma grande lacuna entre o projeto liderado por Anthony Mackie e Sebastian Stan e a primeira parte da Fase 4.

Para falar sobre essa revelação, a diretora do seriado, Kari Skogland, sentou-se com o site, explicando que essa lacuna era “absolutamente crítica” porque “tudo narrativamente foi informado pelo Estalo”.

“Tudo narrativamente foi informado por aquele evento para nós. Significava que acabamos de passar pelo choque. Acabamos de deixar a alegria disso – porque imaginamos que haveria muita alegria com o retorno das pessoas. Agora estamos na realidade disso, o que é complicado.”

Além disso, Skogland também analisou as ramificações no universo que o Estalo de Thanos apresentou ao mundo, ao mesmo tempo que admitiu que “algumas coisas são boas e outras não tão boas”.

“Com metade da população extinta, você tem diferentes circunstâncias econômicas, diferentes circunstâncias de fronteira. Diferentes países eram cooperativos, o que não acontecia antes. Os vizinhos estão cooperando, mas não necessariamente se davam bem antes.”

“As pessoas se mudaram para casas que antes não eram suas. Tudo mudou. Agora estamos naquele momento.”

“Já passamos da surpresa e agora entramos na realidade. Acho que isso cria um lugar muito diferente na história, porque podemos não apenas nos basear nisso, mas podemos nos aprofundar em como as pessoas respondem a isso. Algumas são boas e outras não tão boas.”

Falcão e o Soldado Invernal estreia no Disney+ em 19 de março.



Você quer ver essa e mais produções da Marvel, Star Wars, NatGeo e Pixar? Clique aqui para assinar o Disney+

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio