Expresso do Amanhã prova que ensinamento de Jurassic Park é verdadeiro

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Contém spoilers!

O sexto episódio da segunda temporada de Expresso do Amanhã, “Many Miles From Snowpiercer”, provou o famoso lema de Jurassic Park: “A vida encontra um caminho”, quando Melanie Cavill (Jennifer Connelly) descobriu que alguns animais sobreviveram ao Congelamento.

Expresso do Amanhã se passa em um futuro pós-apocalíptico onde o mundo mergulhou em uma era do gelo criada pelo homem e menos de 3.000 pessoas sobreviveram no Expresso do Amanhã, um trem de arca com 1.034 vagões.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mas o Congelamento milagrosamente não matou todo o resto do planeta, o que oferece esperança a Melanie Cavill.

O Dr. Ian Malcolm (Jeff Goldblum) de Jurassic Park é mais lembrado pela famosa frase “A vida encontra um caminho”. Malcolm era um matemático especializado em teoria do caos que fazia parte de uma equipe de especialistas convidados para visitar o parque temático de John Hammond (Richard Attenborough), povoado por dinossauros clonados.

As bestas pré-históricas de Hammond foram todas criadas fêmeas com uma deficiência fatal de lisina, cujo objetivo era controlar a população e evitar que os dinossauros procriassem independentemente. Mas durante o desastre de Jurassic Park, os dinossauros se soltaram.

Presos no parque, o Dr. Alan Grant (Sam Neill) e os netos de Hammond descobriram um ninho de ovos de Velociraptor, o que significava que as proteções de Hammond não funcionavam. Como avisou Malcolm: “Se há uma coisa que a história da evolução nos ensinou, é que a vida não será contida. A vida encontrará um caminho.”

Melanie Cavill fez sua própria descoberta chocante em “Many Miles From Snowpiercer”, que validou o famoso discurso profético de Ian Malcolm em Jurassic Park.

Embarcando em uma missão solo de um mês para a abandonada Estação de Pesquisa Breslauer para provar sua teoria de que a Terra está lentamente esquentando, Cavill se deparou com um desastre imediato quando uma avalanche destruiu seu trenó volt e suprimentos, incluindo suas rações.

Enfrentando fome, Melanie ficou chocada ao descobrir que havia um rato vivendo na instalação. Ela formou uma ratoeira improvisada e pegou a criatura, mas Cavill então decidiu segui-la até seu esconderijo.

Dentro das paredes, Melanie descobriu aberturas geotérmicas que mantinham um ninho inteiro de ratos vivo, o suficiente para mantê-la viva por semanas até seu encontro planejado com o Expresso do Amanhã. Portanto, nem todas as criaturas vivas morreram congeladas no Congelamento, e a vida de fato encontrou uma maneira de sobreviver.

O ensinamento é verdadeiro

A segunda temporada de Expresso do Amanhã engenhosamente equiparou a descoberta dos ratos de Melanie com seus próprios sentimentos de culpa por abandonar sua filha adolescente Alexandra (Rowan Blanchard).

Em seu isolamento, Cavill teve alucinações com Alex, assim como com seu amigo Andre Layton (Daveed Diggs) e seu inimigo, o Sr. Joseph Wilford (Sean Bean).

Mas as conversas de Melanie com sua filha imaginária foram especialmente reveladoras; em sua mente (e esperanças), Alex a perdoou por deixá-la para trás quando ela roubou o Expresso do Amanhã 7 anos antes, e Alex admirava Melanie por sua engenhosidade e conhecimento científico, que a própria Alex herdou.

“Many Miles From Snowpiercer” iluminou a esperança desesperada de Melanie de que ela ainda pudesse ter um relacionamento com Alex, embora ela optasse por deixá-la mais uma vez para tentar salvar a raça humana.

O imaginário Layton também foi uma fonte de apoio para Melanie quando ela construiu sua engenhosa ratoeira.

Layton já foi o grande rival de Cavill, mas eles passaram a respeitar um ao outro, e Melanie confiou a Andre para comandar o Expresso do Amanhã em seu lugar. A virada de 180 graus no relacionamento de Melanie e Layton nas temporadas 1 e 2 de Expresso do Amanhã é mais uma prova de que “a vida pode encontrar um caminho”.

O fato de que os ratos encontraram uma maneira de continuar vivendo não apenas significa que outros animais podem ter sobrevivido ao Congelamento, mas também é um bom presságio para a chance que o povo do Expresso do Amanhã tem de recolonizar o mundo – se o Sr. Wilford não assumir o trem e mergulhar sua sociedade de volta em sua “ordem perfeita” brutal que atende aos caprichos do bilionário em primeiro lugar.

Pior para Melanie, “Many Miles From Snowpiercer” termina com um momento de angústia do Expresso do Amanhã passando por ela e perdendo seu ponto de encontro, com Alex gritando por sua mãe. Expresso do Amanhã deixou Melanie Cavill abandonada na neve e resta saber se ela encontrará uma maneira de sobreviver e voltar para o trem.

No Brasil, Expresso do Amanhã está disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio