Os Irregulares de Baker Street: Personagem da Netflix existiu na vida real

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

ALERTA DE SPOILERS

Os Irregulares de Baker Street chega na Netflix inspirada pelos contos de Sherlock Holmes. Porém, um dos personagens da série realmente existiu na vida real.

O Príncipe Leopoldo foi inspirado por uma figura histórica. No seriado, o personagem é diagnosticado com hemofilia, o que o faz ser super cuidado pela realeza – como consequência, ele decide fugir.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na vida real, Leopoldo foi o Duque de Albany, sendo o filho mais novo da Rainha Vitória e do Príncipe Albert. É claro que a figura histórica nunca fugiu de casa para lutar contra criaturas sobrenaturais.

Porém, Os Irregulares de Baker Street acerta sobre grande parte da história do personagem. O Leopoldo real teve hemofilia e foi confinado pela realeza.

O Duque de Albany não chegou nem a servir o exército, o que é uma tradição para a família real britânica. Uma mudança feita é que o Leopoldo da vida real realmente queria se casar – ao contrário do personagem da Netflix.

O mais legal vem nessa parte: a princesa Helena é apresentada em Os Irregulares de Baker Street como a potencial noiva dele. Na história da realeza, Leopoldo acaba se casando com Helena.

A história dele, porém, tem um fim trágico. Após um acidente, o Duque morreu aos 30 anos por conta da hemofilia.

Compare abaixo a figura verdadeira com o personagem de Os Irregulares de Baker Street.

Série está na Netflix

Na série, Sherlock Holmes não é o principal personagem da trama. The Irregulars, ou Os Irregulares de Baker Street, é uma série de terror baseada nos contos de Sir Conan Arthur Doyle.

Em Os Irregulares de Baker Street, Sherlock Holmes comanda um grupo de jovens que devem resolver os mistérios assustadores para ele e para o Doutor Watson. Os dois nomes famosos acabam apenas ficando com os créditos.

Os Irregulares de Baker Street é baseada no livro Um Estudo em Vermelho, em que Sherlock Holmes tem um grupo de crianças como “agentes” dele. Na Netflix, essas crianças estão crescidas e continuam trabalhando para o detetive.

“Na Londres do século 19, um grupo de jovens se dedica a solucionar crimes sobrenaturais a pedido do Dr. Watson e de seu parceiro Sherlock Holmes”, descreve a plataforma.

A ideia chega na plataforma por Tom Bidwell. Os Irregulares de Baker Street está disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio