Apresentadora faz sucesso na Netflix e vai estrelar NCIS

De Casamento às Cegas para derivada da franquia da CBS

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

NCIS continua dando retorno para a CBS e uma das estrelas da derivada NCIS: Hawai’i foi anunciada. Vanessa Lachey será a protagonista da vindoura série dramática, a primeira a franquia com uma mulher como principal.

Lachey é mais conhecida por apresentar o reality da Netflix, Casamento às Cegas e agora deve se destacar ainda mais com a nova série. Além dela, foram anunciados outros membros do elenco fixo da série.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A apresentadora de Casamento às Cegas viverá Jane Tennant, uma mulher diplommática, que vive em uma profissão dominada pelos homens. Ela prospera em um sistema que a tentou derrubar durante toda a sua vida. Grande parte desse sucesso se dá pela sua confiança e pelas suas estratégias.

Mas ela vai muito além de seu trabalho. Ela é uma mãe que cuida de seus filhos basicamente sozinha. Ela precisa balancear o dever em relação às suas crianças e seu país de forma justa.

Vanessa Lachey não apenas apresentou o reality da Netflix, Casamento às Cegas. Antes de entrar para NCIS: Hawai’i, ela já trabalhou em muitas outras séries, incluindo How I Met Your Mother, CSI: New York e Call Me Kat.

Além disso, ela participou de algumas produções famosas nos cinemas, como Quarteto Fantástico e o Surfista Prateado e Super-Heróis: A Liga da Injustiça.

Restante do elenco da série

Yasmine Al-Bustami e Jason Antoon entraram para o elenco do seriado junto de Lachey.

NCIS: Hawai’i já teve sua primeira temporada completa encomendada, portanto a CBS parece estar confiante no material que tem à disposição.

Em NCIS: Hawai’i, Yasmine AL-Bustami interpretará Lucy. Membro júnior da equipe NCIS de Tennant. Ansiosa para ser sempre a primeira a encontrar as evidências, criar soluções alternativas à burocracia ou enfrentar suspeitos.

Jason Antoon vai interpretar Ernie, especialista em inteligência cibernética de NCIS. Ernie é um poliglota com uma mente apurada para tecnologia, história, literatura e todas as coisas havaianas.

Ele é essencial para a equipe, que pode rastrear um endereço IP anônimo ou traçar o perfil de um suspeito usando apenas sua presença na mídia social. Ernie não tem família na ilha, então ele se convidou para se juntar às famílias de sua equipe.

Mais sobre NCIS: Hawai’i

A primeira coisa que chama a atenção em NCIS: Hawai’i é o seu título. A forma mais comum de escrever Havaí em inglês é Hawaii, mas não é a assim que o nome da ilha é escrito no idioma havaiano.

Oficialmente, na linguagem nativa, a escrita correta é Hawai’i, conforme aponta o Deadline. Por isso o título da série derivada foi definido dessa forma.

O seriado foi criado pelos produtores executivos e showrunners de NCIS: New Orleans, Christopher Silber e Jan Nash, junto de Matt Bosack, de SEAL Team.

Como o título deixa claro, a série se passa no Havaí e acompanha Jane Tennant, a primeira mulher encarregada do NCIS Pearl Harbor e sua equipe. Eles precisam equilibrar seus deveres à família e país, investigando crimes infames envolvendo militares, segurança nacional, dentre outros mistérios.

Larry Teng, que dirigiu cinco episódios de NCIS: LA e tem um acordo com o CBS Studios vai dirigir o primeiro episódio de NCIS: Hawai’i. Ele também será produtor executivo.

Assim como a série original, ela será exibida, nos EUA, no canal CBS. Ainda não há data de estreia para a nova série derivada.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio