Ator problemático recusa Os Simpsons; veja por quê

Ex-ator e ex-jogador de futebol foi acusado de assassinato

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os Simpsons já está no ar há mais de três décadas, com mais de 700 episódios no catálogo. É de se esperar, portanto, que diversos nomes famosos já tenham passado pela série. Uma figura infame especificamente quase fez parte do programa, mas recusou.

Ao longo dos anos vimos diversas participações especiais de famosos em Os Simpsons, incluindo Patrick Stewart, o eterno capitão Picard (ou professor Xavier), Mick Jagger e Keith Richards, dos Rolling Stones, e até mesmo Stephen Hawking e Michael Jackson.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Dito isso, nem todo mundo quer fazer parte do desenho animado. O.J. Simpson, apesar do nome, é um desses. Ele chegou a ser oferecido um papel, mas recusou.

Depois de sua carreira no futebol americano, Simpson deu início à sua carreira como ator. Notáveis trabalhos dele na Sétima Arte incluem a trilogia Corra que a Polícia Vem Aí e Inferno na Torre. Ele também fez vários comerciais e participou de séries de TV.

Ele apareceria no episódio Last Exit to Springfield, da quarta temporada de Os Simpsons, exibido em 1993. O capítulo focava em Homer se tornando líder de sindicato na Usina Nuclear de Springfield. O.J. Simpson acabou recusando o papel.

Assassinatos e prisão

Na época os produtores não sabiam, mas foi bom ele ter recusado participar da série, visto que pouco tempo depois, ele foi acusado de assassinar sua ex-esposa, Nicole Brown Simpson e seu amigo, Ron Goldman.

O.J. Simpson acabou sendo absolvido no caso, mas sua imagem pública foi destruída para sempre. De fato, ele chegou a ser retratado no seriado The People v. O. J. Simpson: American Crime Story, da FX.

Treze anos depois, ele foi preso por assalto à mão armada e sequestro. Por esse crime, ele passou quase uma década na prisão.

Em 2018, quando a Fox estava prestes a exibir novamente o especial O.J. Simpson: The Last Confession, o showrunner de Os Simpsons, Al Jean, tuitou sobre o fato do jogador e ator quase ter participado do programa.

“Exatos 25 anos depois dele ter recusado o convite de participar do episódio (antes dos assassinatos)”, escreveu Jean, referindo-se à data de exibição do especial (via Ryan Aston, do Looper).

O.J. Simpson atualmente

A vida de O.J. Simpson na cadeia não foi fácil. Ele teve problemas com a lei em 2007, em Las Vegas. Foi acusado de assalto à mão armada, sequestro e formação de quadrilha, dentre outros crimes. Ele foi condenado a 33 anos de prisão.

Em fevereiro de 2011, a National Enquirer publicou que O.J. Simpson foi espancado na prisão, vítima de jovens skinheads. Isso teria ocorrido em razão dele ter tido relações sexuais com mulheres brancas no passado.

O ex-ator e ex-jogador de futebol americano chegou a ficar 3 semanas internado na enfermaria da prisão. Depois do ocorrido, a revista apontou que ele passou a falar pouco e ficou com medo de deixar a cela.

A penitenciaria tentou manter esse acontecimento em segredo, segundo o The Huffington Post, mas isso não deu certo.

Desde 1 de outubro de 2017, O.J. Simpson está em liberdade condicional e está fora da cadeia.

Os Simpsons é exibido no canal Star no Brasil. Além disso, a famosa série está no Disney+.

Você quer ver essa e mais produções da Marvel, Star Wars, NatGeo e Pixar? Clique aqui para assinar o Disney+

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio