Falcão e o Soldado Invernal já pode ter introduzido os X-Men no MCU

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Contém spoilers!

Falcão e o Soldado Invernal mais uma vez fará com que os fãs da Marvel fiquem entusiasmados com a estreia dos X-Men da Marvel no MCU – graças a algumas pequenas referências divertidas escondidas no terceiro episódio.

O novo capítulo de Falcão e o Soldado Invernal é intitulado “Power Broker” em referência ao misterioso criminoso que está desenvolvendo e distribuindo um novo Soro do Super Soldado em torno do MCU.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Para rastrear pistas sobre o soro, Sam Wilson e Bucky Barnes tiveram que formar uma aliança com Zemo e fazer uma viagem para a cidade pirata de Madripoor – um lugar com profundas conexões com a mitologia dos X-Men.

Episódio com várias conexões com X-Men

A primeira grande conexão de X-Men que o terceiro episódio de Falcão e o Soldado Invernal estabelece é a própria Madripoor. A ilha e cidade portuária do sudeste asiático apareceu pela primeira vez no universo da Marvel Comics através da franquia X-Men – especificamente Novos Mutantes #32 em 1985.

Foi principalmente um lugar relacionado às histórias dos personagens de X-Men, embora Madripoor tenha sido incluída em várias histórias de Vingadores ao longo dos anos também (como a série de quadrinhos do Gavião Arqueiro na qual a sua vindoura série é baseada).

Então Madripoor agora está estabelecida no MCU, mas o terceiro episódio de Falcão e o Soldado Invernal vai além para sinalizar aos fãs que este é o território dos X-Men.

Falcão (Anthony Mackie), Soldado Invernal (Sebastian Stan) e Zemo (Daniel Brühl) acabam em um bar decadente em “Lowtown” chamado de “Brass Monkey Saloon”.

O Brass Monkey Saloon apareceu pela primeira vez nos quadrinhos do Capitão América do final dos anos 80, mas antes que o grupo chegue lá, eles passam por outro bar popular de Madripoor: o Bar Princesa.

Nos quadrinhos, o Bar Princesa é propriedade de um homem chamado O’Donnell. É um importante ponto de encontro para os residentes de Hightown e Lowtown – e um paraíso para o contrabando.

O Bar Princesa tem uma grande conexão com os X-Men, pois é frequentado e secretamente coadministrado por “Patch” – também conhecido como o apelido de Wolverine quando ele está em Madripoor.

Incluir o Bar Princesa em Falcão e o Soldado Invernal é uma das maiores dicas até agora que o espaço está sendo liberado para Wolverine no MCU.

Finalmente, um mutante da Marvel real é citado na sequência de Madripoor: Selby, a mulher que comanda o Brass Monkey Saloon, e fornece a Zemo, Soldado Invernal e “Tigre Sorridente” (apelido do Falcão) informações sobre o Soro do Super Soldado e o “Power Broker” que está comandando tudo.

Nos quadrinhos, “Selby” era um membro mutante do grupo extremista Frente de Libertação Mutante, com o poder de “falar” com computadores e quebrar códigos. Selby era apenas um personagem secundário, mas o nome exclusivo torna a referência do MCU uma escolha notável.

Embora não esperemos que Falcão e o Soldado Invernal revele qualquer grande aparição de um mutante ou membro dos X-Men, parece bastante claro que o Marvel Studios está expandindo o MCU para abrir espaço para eles, quando eles chegarem.

No Brasil, Falcão e o Soldado Invernal está agora disponível no Disney+. Um novo episódio da série da Marvel é lançado por semana.



Assine e assista a série somente no Disney+!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio