Série de crime real vai deixar fãs da Netflix aterrorizados

Tudo sobre a trama de O Paraíso e a Serpente

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Procurando se manter sempre na dianteira do concorrido mercado das plataformas de streaming, a Netflix procura lançar filmes e séries interessantes todas as semanas. Um dos lançamentos mais recentes da empresa foi a série O Paraíso e a Serpente.

Se você gosta de produções britânicas e aprecia séries sobre crimes reais, O Paraíso e a Serpente é uma ótima opção.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A série está fazendo o maior sucesso nos Estados Unidos e Inglaterra, e passa a conquistar também o público brasileiro.

Confira abaixo alguns detalhes explicados pelo site Looper!

A trama de O Paraíso e a Serpente

O Paraíso e a Serpente é o fruto mais recente da colaboração entre a BBC e a Netflix. A série estreou no dia 2 de Abril, e atualmente faz parte do Top 10 de séries da plataforma nos Estados Unidos.

A produção tem a maioria das cenas filmadas na Tailândia, mas precisou ser finalizada na Inglaterra após uma paralisação de cinco meses, devido à pandemia de Covid-19.

A trama de O Paraíso e a Serpente é ambientada nos anos 70, e a série faz um ótimo trabalho com os sets, figurinos e a escalação dos atores – que parecem mesmo ter vindo de 1970.

A série tem oito episódios, e se baseia na história real de Charles Sobhraj, um serial killer francês que matou vários jovens turistas ocidentais na chamada “trilha hippie” da Tailândia, Índia e Nepal nos anos 70.

Com a ajuda da namorada, a canadense Marie-Andreé Leclerc e outros cúmplices, Charles costumava se aproximar de turistas dos Estados Unidos e Europa, droga-los, roubá-los e matá-los.

As autoridades da época não deram muita importância aos desaparecimentos e às mortes, e os crimes de Charles Sobhraj só vieram à tona devido aos esforços de um diplomata holandês e sua esposa.

A minissérie traz o ator francês Tahar Rahim (The Mauritanian) como Sobhraj, o psicopata carismático e perigoso.

Jenna Coleman (Victoria) vive Marie Andreé Leclerc, a namorada de Sobhraj, que sofre com uma grande dependência psicológica pelo protagonista.

Billy Howle (Star Wars: A Ascensão Skywalker) interpreta Herman Knippenberg, o diplomata holandês que começa a investigar os crimes da “trilha hippie” com a ajuda da esposa alemã Angela, vivida por Ellie Bamber (Animais Noturnos).

O Paraíso e a Serpente está disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio