Após Sombra e Ossos, série de heróis da Netflix será sua nova obsessão

Confira tudo sobre O Legado de Júpiter, a próxima grande produção do serviço de streaming

Publicadohá pouco tempo
Por Victor
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Muitas pessoas querem ser um super-herói, mas vivemos na realidade, então a próxima melhor coisa é produzir um filme de super-herói ou série de TV.

Mas, construir um mundo de super-heróis único, repleto de sabedoria e histórias próprias, é um desafio. Às vezes é mais fácil adaptar o que já existe, principalmente se uma equipe adapta uma obra de nicho, ainda que seja querida por quem a leu.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em março, a Netflix divulgou o teaser de uma série de super-heróis baseada na história em quadrinhos O Legado de Júpiter (sem relação com O Destino de Júpiter).

O anúncio apresenta a transição de imagens de esboços em preto e branco para capturas de tela em cores presumivelmente tiradas da série, pontuadas com imagens de instrumentos de desenho, ilustrando com eficiência que o seriado é uma adaptação em live-action.

Mas, fora isso, os espectadores provavelmente não têm ideia do que está por vir, especialmente se esta for a primeira vez que ouvem falar da propriedade.

Aqui está tudo o que sabemos até agora sobre O Legado de Júpiter, sua nova obsessão após o lançamento de Sombra e Ossos.

Data de lançamento

Embora as chances sejam de que o público e mesmo os fãs de O Legado de Júpiter possam não ter ouvido falar sobre a adaptação da Netflix até pouco tempo atrás, o seriado não está apenas começando a produção. O anúncio afirma que O Legado de Júpiter chegará à Netflix em 7 de maio de 2021.

De acordo com a Writers Guild of America West, O Legado de Júpiter consistirá em oito episódios de 60 minutos. Esses episódios foram filmados entre julho de 2019 (via Comic Book) e janeiro de 2020 (via Bleeding Cool), então a maior parte do trabalho aconteceu antes do início do distanciamento social.

No momento, não sabemos se a versão da Netflix de O Legado de Júpiter receberá uma segunda temporada, o que é importante, pois o material de origem se estende além de um único volume.

A história em quadrinhos de O Legado de Júpiter está em dois volumes, com um derivado de dois livros, O Círculo de Júpiter.

A primeira temporada da adaptação da Netflix pode cobrir todo o primeiro volume de O Legado de Júpiter, ou pode parar no meio dessa história. O seriado pode até combinar os dois volumes em uma temporada. Não saberemos até 7 de maio.

Elenco

A Netflix pode ter anunciado em março o lançamento iminente de O Legado de Júpiter, mas a empresa anunciou que adaptaria a obra – junto com outros trabalhos desenvolvidos pelo criador da história em quadrinhos, Mark Millar – em 2018 (via Hollywood Reporter).

A empresa teve tempo mais do que suficiente para filmar toda a temporada, e você não pode filmar um programa sem atores.

O Legado de Júpiter apresenta um elenco de estrelas de Hollywood. Os personagens principais serão interpretados por grandes nomes como Josh Duhamel (Lennox nos filmes dos Transformers), Ben Daniels (Adam Galloway em House of Cards) e Leslie Bibb (Christine Everhart nos filmes do Homem de Ferro).

O seriado também vai estrelar atores menos conhecidos em vários papéis de destaque, incluindo Elana Kampouris (Minnow Bly em Sacred Lies), Andrew Horton (Craig Guarisco em It Came from the Desert), Mike Wade (Rodney Jenkins em For the People) e Matt Lanter (Anakin Skywalker em Star Wars: A Guerra dos Clones).

Claro, esses atores desempenham apenas alguns papéis escassos. O Legado de Júpiter tem muito mais personagens do que apenas os sete descritos acima.

Trama

Quando o programa de O Legado de Júpiter foi anunciado, o Hollywood Reporter forneceu uma sinopse básica com base no material de origem:

“A série é um drama multigeracional que segue a primeira geração de super-heróis do mundo, que receberam seus poderes na década de 1930. Atualmente, eles são os venerados guardiões mais velhos, mas seus filhos superpoderosos lutam para viver de acordo com os feitos lendários de seus pais.”

Dependendo de quão perto a adaptação segue os quadrinhos, o seriado de O Legado de Júpiter pode potencialmente apresentar numerosos arcos de história e ir muito além do enredo básico de “filhos de super-heróis vivendo na sombra de seus pais super-heróis”.

Por exemplo, a história em quadrinhos faz malabarismos com vários personagens, suas visões sobre o uso de poderes e ideias como o legado familiar. Além disso, nos quadrinhos, amigos e familiares brigam, e a distinção entre super-herói e vilão é testada e potencialmente redefinida.

Uma vez que os leitores forneceram opiniões muito positivas sobre O Legado de Júpiter, o público provavelmente pode esperar grandes coisas da vindoura série. Claro, isso depende parcialmente de quão perto a adaptação segue os quadrinhos.

Como mencionado anteriormente, a primeira temporada de O Legado de Júpiter estreia na Netflix em 7 de maio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio