Astro de O Legado de Júpiter quase morre em filmagem; veja vídeo

Ator da Netflix teve experiência de quase-morte em filme com Jennifer Lopez

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Josh Duhamel está em papel de destaque em O Legado de Júpiter, da Netflix. O intérprete do Utopian / Sheldon Sampson revelou quase ter morrido durante gravações de um filme.

Ele revelou que, ao gravar Shotgun Wedding, na República Dominicana, foi atingido por uma onda gigante e quase não sobreviveu ao occorido.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Mais cedo a enseada estava perfeitamente calma, cheguei a pular desse mesmo lugar para o mar e fui nadando até a praia”, disse o ator da Netflix no programa de Jimmy Fallon. “Logo depois estava completamente diferente, o oceano ficou bastante agitado”.

“As ondas estava chegando a nove metros. Essa onda veio do nada, enquanto eu estava gravando e me derrubou, me levando quase até a beira de um precipício. Devo agradecer ao coral bastante afiado que acabou me segurando”.

Ele sobreviveu às gravações do filme com Jennifer Lopez, mas ficou ferido com a experiência.

“Várias partes do meu corpo foram quase foram transformadas em hambúrgueres. Foi com certeza uma experiências de quase-morte”.

“Não consigo acreditar que o meu telefone sobreviveu. Hoje estou rindo disso, nunca tinha contado para ninguém”, continuou o ator de O Legado de Júpiter.

No programa, o ator mostrou um trecho em vídeo do ocorrido. Veja abaixo.

O Legado de Júpiter na Netflix

A série é uma das produções da plataforma baseadas nas obras de Mark Millar. As estrelas de O Legado de Júpiter são Josh Duhamel (Transformers) e Leslie Bibb (Homem de Ferro).

O elenco traz ainda nomes como Ben Daniels (The Crown), Elena Kampouris (Sacred Lies), Andrew Horton (Doctors) e Mike Wade (Timeless).

Nela, Josh Duhamel vive Sheldon Sampson (The Utopian), o líder dos heróis do The Union. Uma descrição afirma que “os tempos mudaram, e ele não entende mais o mundo em que vivemos. Ou a sua própria família”. Enquanto isso, Leslie Bibb é Grace, a esposa do The Utopian, conhecida como Lady Liberty, que é a heroína mais forte do planeta.

Já Ben Daniels, outro importante nome do elenco, será Walter, o irmão mais velho de Sheldon. O Brain-Wave é “um homem de vasta inteligência e astúcia que, ao contrário de Sheldon, não tem medo de sujar as mãos. Nem com sangue”, conforme descrição da Netflix.

Os filhos dos heróis Sheldon e Grace, Chloe e Brandon, são vividos respectivamente por Elena Kampouris e Andrew Horton. Chloe é descrita como uma rebelde, que “rejeita” o que os pais representam e “construiu o seu próprio caminho hedonista”. Enquanto isso, Brandon treina para assumir o manto do The Utopian e a liderança da União.

Mike Wade é Fitz Small, o The Flare. O herói sofreu uma grave lesão que o tirou dos campos de batalha. No entanto, é o membro mais precioso da União e que mantém todos unidos.

O vilão da trama é George Hutchence, vivido por Matt Lanter. O personagem é conhecido como Skyfox, tendo sido o melhor amigo e aliado de Sheldon, que acaba se voltando contra a União e se tornando o maior supervilão do mundo. A descrição da série adianta que o Skyfox “planeja se vingar dos companheiros que acredita tê-lo traído”.

“Um épico americano de super-heróis, O Legado de Júpiter acompanha a primeira geração de super-heróis do mundo que recebeu seus poderes em 1930. Hoje são anciãos reverenciados, mas seus filhos superpoderosos lutam para estar à altura dos feitos lendários de seus pais”, indica a sinopse.

O Legado de Júpiter está disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio