Netflix encerra série e alcança marca absurda de cancelamentos

Plataforma já cancelou 30 produções após uma temporada

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Para desespero de muitos fãs, a Netflix tem o incômodo hábito de cancelar diversas produções na primeira temporada, sem permitir um maior tempo para as séries conquistarem sua audiência e uma base de fãs dedicada.

A mais nova vítima da onda de cancelamentos da Netflix é a série Os Irregulares de Baker Street, produção que estreou na plataforma em 26 de Março.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pouco mais de um mês depois da estreia, a empresa bateu o martelo e confirmou o fim da série, desagradando fãs no mundo inteiro e alcançando uma incrível marca de cancelamentos.

O site Insider falou tudo sobre essa história; confira abaixo!

A trama de Os Irregulares de Baker Street

Os Irregulares de Baker Street é baseada em um grupo de personagens que aparece em três livros do criador de Sherlock Holmes.

Na série da Netflix, os meninos de rua se transformam em uma imponente gangue de jovens garotos e garotas – que se encontram no centro de um mistério sobrenatural.

A produção chegou a figurar entre as séries mais assistidas da Netflix – pelo menos no Brasil – na semana de sua estreia, mas o sucesso inicial não foi suficiente para impedir o cancelamento.

Mais um cancelamento

Os Irregulares de Baker Street se torna a 30ª série a ser cancelada pela Netflix após sua primeira temporada. Muitos fãs ficam revoltados com a atitude da plataforma, que autoriza a produção de projetos interessantes apenas para cancelá-los após os primeiros episódios.

O site Wired explicou em uma matéria especial por que a Netflix cancela tantas séries após uma ou duas temporadas.

A Netflix não divulga suas métricas de audiência de maneira linear, como acontece em emissoras de TV. No entanto, a plataforma utiliza os números de audiência para definir a renovação ou cancelamento das séries, em um cálculo que leva em conta a popularidade da série e o número de espectadores.

“A principal coisa que analisamos é: temos espectadores suficientes para justificar o custo da série?”, afirmou Cindy Holland, a vice-presidente da Netflix em um evento em 2018.

Segundo uma carta enviada a um comitê britânico de comunicações, a plataforma também analisa outras três métricas para decidir se renova ou cancela uma produção.

A Netflix analisa dois pontos de inserção de data nos primeiros sete dias e nos primeiros 28 dias da disponibilização de uma série no catálogo.

O primeiro ponto, batizado de “Starters”, analisa apenas espectadores que assistiram a apenas um episódio de uma série. O segundo, chamado de “Completers”, se relaciona com os assinantes que assistiram a uma temporada inteira.

A última métrica é chamada de “Watchers”, e analisa o número total de assinantes que assistem a uma série.

“A cada temporada, as séries ficam mais caras. Então, se eles decidem renovar uma série, precisam justificar essa renovação. Por causa disso, tantas séries são canceladas após uma ou duas temporadas”, comentou o analista Tom Harrington.

Além disso, faz mais sentido financeiro para a Netflix produzir uma série inédita do que renovar uma produção com poucos espectadores, que apenas se tornaria mais cara com o decorrer das temporadas.

A primeira (e única) temporada de Os Irregulares de Baker Street está disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio