Netflix tem o mais novo 50 Tons de Cinza; veja

Saiba tudo sobre a excitante série Sex/Life

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Baseada na série de livros de E.L. James, 50 Tons de Cinza se tornou uma bem sucedida franquia no cinema, com o primeiro filme lançado em 2015 e protagonizado por Jamie Dornan e Dakota Johnson.

50 Tons de Cinza conta a história de Anastasia Steele, uma jovem e inocente jornalista que é introduzida ao mundo do sadomasoquismo pelo bilionário sexy Christian Grey, vivido por Dornan.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Anos depois do lançamento da conclusão da franquia, a Netflix se prepara para a estreia de uma nova série – que pode ser tão erótica quanto 50 Tons.

Confira abaixo tudo sobre Sex/Life e veja as imagens recém divulgadas pela plataforma!

Conheça Sex/Life!

Sex/Life, a mais nova série erótica da Netflix, é baseada no livro “44 Capítulos sobre 4 Homens”, escrito por BB Easton.

A produção traz Sarah Shahi (Person of Interest) como Billie, uma dona de casa excitada que se esforça para se tornar uma esposa devotada e mãe cuidadosa enquanto anseia pelas loucuras e aventuras de sua juventude.

Para demonstrar o quão quente era a vida de Billie, a série aposta em flashbacks e memórias do ex-namorado Brad, vivido por Adam Demos.

“É como um sonho febril movido pela nostalgia, uma visão do passado com óculos cor de rosa – e o melhor sexo de sua vida”, explicou Stacy Rukeyser, a criadora da produção.

Com uma equipe de produção formada quase inteiramente por mulheres, Sex/Life explora o desejo pela perspectiva feminina, apresentando um erotismo completamente diferente do que estamos acostumados.

“A série conta com uma boa dose de objetificação e fetichização do corpo masculino”, brinca a criadora de Sex/Life.

Para a produtora, séries narradas completamente por mulheres, com histórias produzidas de acordo com a perspectiva feminina sobre o sexo, estão em falta na TV.

“Eu sempre disse que, em anos recentes, algumas das melhores abordagens do desejo feminino e sexualidade aconteceram em filmes de lésbicas. Quando você vê um filme heterossexual sobre o desejo feminino, isso não costuma acontecer. Normalmente, tudo é contado pelo ponto de vista do homem, sobre o tipo de sexo que o homem quer”, afirma Rukeyser.

Em uma entrevista ao Entertainment Weekly, a atriz Sarah Shahi falou sobre sua reação ao conferir o primeiro roteiro da série da Netflix.

“Eu fiquei chocada! É tudo muito gostoso. Foi como morder um delicioso chocolate. A maneira como as roteiristas escrevem sobre a sexualidade feminina é muito atual e refrescante”, contou a estrela.

Para a protagonista Billie, o problema é esconder seu lado mais erótico e livre de seu novo marido Cooper, vivido por Mike Vogel.

A última vez que Billie explorou realmente essa parte de si mesma foi com o sexy ex-namorado Brad, que representa um senso e liberdade para a protagonista, algo que foi deixado para trás com o tempo e a maturidade.

“Billie leva uma vida tranquila com a família, até lembrar da juventude e escrever fantasias com o ex-namorado. Ah, e o marido descobre tudo”, afirma a sinopse oficial divulgada pela Netflix no Twitter.

Sex/Life vai esquentar a Netflix a partir de 25 de junho. Confira abaixo as fotos divulgadas, com destaque para o sensual Brad.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio