Publicidade

De tirar o fôlego

Apenas uma produção da Netflix é mais quente que a 4ª temporada de Elite

Novos episódios da série espanhola tentam, mas não conseguem superar 365 DNI

Publicado por Alexandre Guglielmelli

24/06/2021 20:00

Elite conquistou o público brasileiro, e a fama da série pode ser comprovado por seus incríveis níveis de audiência. Com a estreia da quarta temporada, a produção passou a figurar mais uma vez no Top 10 da plataforma.

A quarta temporada da série mudou completamente a trama da produção! Vários personagens queridos se despediram, uma nova turma chegou para conquistar mais uma vez os fãs da Netflix.

Mesmo ambientada em uma escola de ensino médio, Elite é considerada uma das séries mais quentes e ousadas da Netflix – principalmente em sua quarta temporada.

No entanto, a plataforma conta com uma produção que é ainda mais erótica! Confira abaixo tudo que você precisa saber.

A 4ª temporada de Elite – Ousada e quente

Desde o lançamento da quarta temporada de Elite, as redes sociais se encheram de comentários sobre o alto nível de erotismo da série.

Elite já era conhecida por não poupar cenas de sexo entre os jovens personagens. A quarta temporada confirmou mais uma vez essa tendência, e aumentou ainda mais o nível de sensualidade da produção.

Esse aumento foi possível com a introdução de novos personagens, como Patrick, um dos filhos do novo diretor de Las Encinas.

A trama do personagem de Manu Rios envolve basicamente Patrick fazendo sexo com diversos parceiros, iniciando uma espécie de trisal com Ander e Omar.

Mesmo com a despedida de personagens queridas, como Carla e Lu, a série compensou as ausências com tramas ainda mais quentes de Ari e Mencía.

A quarta temporada de Elite chegou até mesmo ser criticada pela inclusão de tantas cenas de sexo.

“Ninguém estuda em Las Encinas? Todo mundo só faz sexo o tempo todo”, comentou um fã no Twitter.

A produção mais quente da Netflix

Se você ficou sem fôlego com as cenas quentes da quarta temporada de Elite, se prepare, pois a Netflix conta com uma produção ainda mais ousada em sua plataforma.

Trata-se de 365 DNI, que conta com cenas ainda mais explícitas que as de Elite. O longa é basicamente um filme pornô com história.

365 DNI conta a história de Laura Biel, uma jovem que sai de férias para Sicília com o namorado e amigos. No segundo dia da viagem, em seu aniversário de 29 anos, Laura é sequestrada pelo chefe de uma família da máfia siciliana, o jovem Massimo.

Com um passado marcado pela morte e violência, ele tenta fazer Laura o amar no período de 365 dias.

O filme figurou no Top 10 da plataforma por muitas semanas, principalmente pela performance do bonitão Michele Morrone como o mafioso Massimo.

Além disso, a produção conta com uma cena de sexo extremamente explícita e erótica, ambientada em um barco.

O momento é considerado até hoje a parte mais quente do longa, que garantiu também a produção de uma sequência.

365 DNI também causou polêmica por supostamente “glamourizar o abuso sexual”, e não abordar a importância do consentimento.

365 DNI e a quarta temporada de Elite já estão disponíveis na Netflix.

Publicidade