Publicidade

Curiosidade

Inspiração para Netflix: Príncipe de Elite existe na vida real

Existem algumas semelhanças entre o personagem e um príncipe do mundo real

Publicado por Victor Carvalho

27/06/2021 19:30

Depois dos rápidos contos de Elite Histórias Breves: Guzmán Caye Rebe, Las Encinas reabriu, dando início à quarta temporada de Elite, da Netflix.

A série, que mais uma vez tem como protagonistas Guzmán, Samuel, Cayetana, Rebeca, Omar e Ander, acrescentou novos personagens que vieram à escola para “estragar tudo” e, da mesma forma, demonstram que, mais uma vez, as aparências enganam.

No entanto, esta temporada de Elite adicionou uma reviravolta inesperada que, ao que parece, é o adeus final à personagem de Ester Exposito.

A atriz, nas três primeiras temporadas, interpretou Carla Rosón, uma marquesa da alta sociedade que colocava a escola em seu mais alto nível, mas agora, com a saída dessa personagem, Pol Granch chega ao papel de Phillipe Florian Von Triesenberg.

Na história, Phillipe é um príncipe herdeiro direto da realeza franco-espanhola e, na maior parte de sua vida, viveu na França, mas como todos os aristocratas, quando chega uma certa idade, seus pais escolhem os melhores internatos ou, neste caso, institutos, para mandá-los estudar.

Porém, este jovem de sangue real não só chega para virar a vida de Cayetana de cabeça para baixo, mas também foi difamado em seu país e, por isso, seus pais o mandaram embora.

E, dito isto, a vida do personagem de Pol Granch guarda certas semelhanças com Felipe Juan Froilán de Marichalar e Bourbon, que é o sobrinho mais velho do atual Rei da Espanha, país de origem da série da Netflix (via Spoiler).

A inspiração da vida real para o Príncipe Phillipe

Froilán, como é conhecido na Europa, é o herdeiro do Ducado de Lugo e, por sua vez, o quarto na linha de sucessão ao trono espanhol depois de suas primas, Princesa Leonor e Infanta Sofia e sua mãe, Infanta Elena.

Desde muito jovem, Felipe Juan foi caracterizado como o mais terrível da Casa Real dos Bourbon. Agora com 22 anos de idade, ele teve uma adolescência extremamente polêmica, mudando de colégio frequentemente pelos problemas que causava (em um acidente inusitado, ele deu um tiro no próprio pé ao segurar uma arma quando tinha 13 anos).

Conhecido pelo comportamento arrogante, Felipe Juan também já foi acusado de racismo contra um estudante chinês e se envolveu em várias brigas. Não é de se espantar por que é considerado o terror da Família Real.

No Brasil, Elite está agora disponível na Netflix.

Publicidade