Novo reality show da Netflix é detonado na web

O programa de namoro Sexy Beasts é uma das criações mais estranhas da plataforma

Publicado em 26/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Investindo cada vez mais no mundo dos reality shows, a Netflix confirmou oficialmente o lançamento de Sexy Beasts, um dos projetos mais estranhos da história da plataforma. O anúncio pegou muita gente de surpresa, principalmente por seu tom bizarro.

A internet ficou realmente impressionada com o anúncio de Sexy Beasts na Netflix! O primeiro trailer da atração figurou nos assuntos mais comentados das redes sociais.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Entre os comentários sobre o lançamento de Sexy Beasts, muitos condenaram a plataforma por dar o sinal verde para uma produção tão desnecessária – ao mesmo tempo em que cancela ótimas séries.

Confira abaixo o verdadeiro motivo da polêmica de Sexy Beasts!

Conheça Sexy Beasts

Após lançar o anime Beastars e a série Sweet Tooth, a Netflix parece estar entrando de cabeça na estética “furry”.

Mas afinal de contas, o que isso significa? Furry (peludo) é uma subcultura da internet que traz animais fictícios com características antropomórficas, ou seja, personalidade e aspectos físicos humanos.

A comunidade furry também se relaciona com a produção de materiais pornográficos envolvendo essas criaturas antropomórficas, mas nem sempre.

Sexy Beasts não é exatamente uma série sobre a cultura furry, mas poderia ser! A produção é na verdade um reality show de namoro, mas bem diferente de outros sucessos como Brincando com Fogo e Casamento às Cegas.

A premissa de Sexy Beasts é bastante simples: solteiros se disfarçam com maquiagem e completam o look com próteses animais, e então participam de encontros às cegas.

Cada episódio conta com uma pessoa solteira que busca por alguém com uma ótima personalidade. O participante tem a possibilidade de participar de três encontros, sempre com pessoas disfarçadas com maquiagem e próteses.

O verdadeiro rosto do pretendente só é revelado para o participante no final do episódio, após a confirmação da escolha.

A produção é baseada em uma série parecida, que fez o maior sucesso no Reino Unido. A Netflix já autorizou a produção antecipada de duas temporadas de Sexy Beasts.

A primeira temporada vai estrear na Netflix em 21 de julho de 2021, com 6 episódios. Já a segunda leva de episódios deve chegar no final do ano.

Ao todo, as duas temporadas já confirmadas de Sexy Beasts contarão com 48 diferentes criações artísticas.

A polêmica de Sexy Beasts

O anúncio de Sexy Beasts causou polêmica nas redes sociais. A produção da série foi bastante criticada por especialistas e por assinantes da plataforma.

O principal motivo das críticas é o fato da Netflix cancelar diversas produções bem recebidas e com uma forte base de fãs, e ao mesmo tempo autorizar a realização de duas temporadas de uma premissa tão estranha.

“Os executivos da Netflix deram sinal verde para uma série simplesmente para criar memes de reação, e provavelmente serão bem sucedidos”, comentou um usuário do Twitter.

Alguns comentários também criticaram a premissa da série. Afinal de contas, todos os participantes correspondem ao padrão de beleza, e por isso, nem mesmo um “disfarce bizarro” altera suas chances de encontrar amor.

“Fico imaginando se a Mulher-Maravilha com implantes e o cara com um corpo de jogador da NFL vão enxergar além da beleza física misteriosa”, ironizou outro comentário.

“Todas essas pessoas são magras e atraentes, mesmo debaixo das fantasias. Então esse papo de ‘só baseado na personalidade’ é no mínimo um exagero”, concordou outro assinante da Netflix.

Outros comentários detonaram completamente a decisão da Netflix em autorizar a produção de Sexy Beasts.

“Séries como The Last Kingdom, Altered Carbon, O Cristal Encantado, Marco Polo, Os Irregulares de Baker Street, Santa Clarita Diet… todas canceladas. E agora vocês produzem essa porcaria, Netflix? Na verdade, estou sendo muito gentil, é bem pior do que uma porcaria”, detona outro internauta.

Comentários de especialistas indicam também uma tendência preocupante na Netflix: a plataforma evitar renovar séries com temáticas LGBTQ+ e adora produzir reality shows bizarros de namoro – sempre para o público heterossexual.

“Ainda estou pensando na quantidade de vezes que os executivos do streaming rejeitaram uma história de amor trans ou queer pois eram ‘muito específicas’, e agora dão o sinal verde para Sexy Beasts”, comentou um jornalista.

Confira abaixo as reações originais e o trailer de Sexy Beasts!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio