Publicidade

Fãs não notaram

Stranger Things cria problema para a Netflix

Truque começa a ficar batido na série com Eleven

Publicado por Redação

18/06/2021 08:15

Stranger Things tem um claro problema na Netflix. A série repete uma escolha de trama em momentos importantes.

Se os fãs pararem para observar, Stranger Things gosta de ter mortes falsas. Isso começa na primeira temporada com Will e Eleven.

O personagem chega, de forma errada, a ser enterrado. Porém, depois todos descobrem que Will estava no Mundo Invertido.

Já Eleven parece morrer na luta final do primeiro ano. Mas, uma última cena mostra Hopper levando waffles na floresta, indicando que ela continuava viva.

Com prévias da quarta temporada, a trama volta a ser repetida na Netflix. E não é apenas uma vez, mas em duas situações.

O problema na Netflix é que a série corre o risco de ficar repetitiva de um modo geral e deixar fãs cansados desse tipo de situação.

Mortes falsas na Netflix

Depois de Will e Eleven, as outras situações são indicadas nas prévias. Uma, que é clara, é a de Hopper.

O xerife parece morrer no fim da terceira temporada. Porém, o corpo nunca é encontrado e o personagem de Stranger Things aparece novamente na Rússia.

A outra é a do Dr. Brenner. Na segunda temporada, é mencionado que o cientista está vivo. O personagem volta a aparecer em um teaser do quarto ano na Netflix.

Mesmo que seja um flashback ou uma memória de Eleven, sabe-se que o personagem não morreu como era imaginado. Essa situação gera mais problemas na Netflix.

Em primeiro lugar, as mortes reais perdem ainda mais a importância, diminuindo os personagens. Do outro lado, o público pode achar previsível sobre quando alguém realmente morre ou não.

Stranger Things tem três temporadas na Netflix. O quarto ano ainda não tem previsão de estreia.

Publicidade