Série de TV de John Wick será mais cara que Game of Thrones

Keanu Reeves não deve aparecer na derivada

Publicado em 18/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A emissora Starz fez grandes mudanças na série The Continental, derivada de John Wick. Ao invés de minissérie, ou seriado, será uma “série evento”, com cada episódio sendo tratado como um longa-metragem, tanto em termos de produção, quanto orçamento. Com isso, ela será mais cara que Game of Thrones, mesmo não tendo Keanu Reeves no elenco.

O THR informa que cada episódio deve ter por volta de 90 minutos, com orçamento de US$ 20 milhões. Em comparação, a HBO gastava entre US$ 10 e 15 milhões por episódio na temporada final de Game of Thrones.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

The Continental se passará por volta de 40 anos antes dos eventos de John Wick e mostrará a ascensão ao poder de Winston (Ian McShane) no hotel que dá nome à série. Nem McShane, nem Keanu Reeves, devem aparecer na série.

“Fizemos muitos testes, e então a equipe criativa desse pequeno programa obscuro chamado Wayne, do YouTube, veio até nós com a ideia deles”, disse o chefe da Lionsgate TV Kevin Beggs sobre a série.

Conexão indireta com Família Soprano

“Ficamos realmente surpresos, porque ele resolveu um monte de problemas e foi super empolgante. É sobre uma Nova York em ruínas na década de 1970, com uma greve de lixeiros, que empilhou sacos de lixo até o terceiro andar de prédios. Com isso, a máfia se intrometeu nesse negócio. É por isso que em Família Soprano eles estão no negócio de saneamento”.

The Continental terá produção de Chad Stahelski, Derek Kolstad e Basil Iwanyk. Albert Hughes vai dirigir o primeiro e o terceiro episódios da derivada de John Wick.

Não há data de estreia para The Continental. Já John Wick 4 chega aos cinemas em 27 de maio de 2022.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio