Novo reality show da Netflix vira alvo de grande polêmica

Minha Vida Nada Ortodoxa vem sendo criticado por sua abordagem sobre a comunidade judaica

Publicado em 18/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A criadora da Jew in the City, Allison Josephs, não é uma grande fã do reality show da Netflix, Minha Vida Nada Ortodoxa, e criticou a estrela principal, Julia Haart, e toda Hollywood por sua representação da comunidade judaica hassídica ortodoxa. O novo programa vem sendo alvo de uma grande polêmica por conta disso.

“Acho que todos deveriam ter permissão para contar suas histórias, mas suas histórias deveriam ser baseadas na verdade. E a realidade é que Julia Haart não está contando sua história. Ela está falando sobre uma vida muito mais hassídica que ela nunca realmente viveu”, Josephs disse à TMZ.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Agora, eu acredito que algo aconteceu com ela e ela teve algum tipo de luta como ser humano, mas ela basicamente cooptou a história de outra pessoa.”

“O fato de ela ter chamado uma comunidade inteira de ‘fundamentalistas’ quando as pessoas desta comunidade estão sendo atacadas nas ruas realmente coloca os judeus em perigo e realmente esperamos que a Netflix e toda Hollywood se saiam melhor.”

Mais sobre Minha Vida Nada Ortodoxa

Minha Vida Nada Ortodoxa é um reality show da Netflix que estreou em 14 de julho de 2021.

O reality show é centrado em Julia Haart, a CEO de uma agência de modelos e empresa de moda e uma ex-judia ortodoxa, enquanto Haart e sua família se aculturam com seu novo estilo de vida nada religioso em Manhattan.

Minha Vida Nada Ortodoxa está agora disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio