The Walking Dead: Revelado por que Commonwealth queima dinheiro

Detalhe chama atenção dos espectadores no capítulo de estreia da 11ª temporada

Publicado em 27/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Alerta de spoilers

Na estreia da 11ª temporada de The Walking Dead, um fato chamou atenção: Commonwealth queima o dinheiro pré-apocalipse. A explicação pode estar nos quadrinhos, em que o dinheiro é apenas usado para determinar a posição do personagem nessa comunidade.

Commonwealth funciona pelo sistema de castas, o que deve ser repetido na TV. O dinheiro pré-apocalipse é uma forma de determinar a posição do indivíduo nessa sociedade.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quem tinha mais, fica no topo; enquanto quem tinha menos, vai para os grupos inferiores. Após essa determinação, Commonwealth queima o dinheiro também evitando que a moeda ainda seja usada como uma forma de poder.

Os quadrinhos de The Walking Dead mostram que há outras formas dos personagens subirem entre os níveis dessa sociedade. Michonne, por exemplo, era advogada, e por isso vai para um grupo superior nas HQs.

Além disso, o queimar dinheiro também é uma forma de fazer com que as pessoas se sintam despidas do mundo antigo, além de se sentirem frágeis. É uma das muitas táticas de manipulação de Commonwealth, que faz um processo antes dos sobreviventes se juntarem à comunidade.

A sinopse da 11ª temporada de The Walking Dead

A sinopse da 11ª temporada, a última, de The Walking Dead não entrega spoilers do que está por vir, mas sim do que já veio, obviamente, portanto só leia se já tiver assistido a 10ª temporada.

“Anteriormente em The Walking Dead, nossos sobreviventes confrontaram demônios do passado e combateram novas ameaças, com amizades e relacionamentos sofrendo com os crescentes danos colaterais do apocalipse. Alexandria está gravemente comprometida. É apenas uma casca da casa que um dia foi, consequência da carnificina e da devastação deixada pelos Sussurradores”, começa a sinopse.

“Agora, todos os que vivem em Alexandria lutam para refortificá-la e alimentar seu crescente número de residentes, que incluem os sobreviventes da queda do Reino e do incêndio de Hilltop; junto com Maggie e seu novo grupo, os Wardens. Alexandria tem mais gente do que consegue alimentar e proteger. A situação deles é terrível, pois as tensões aumentam com os eventos passados ​​e a autopreservação vem à tona dentro das paredes destruídas”, continua a sinopse.

“Eles devem garantir mais alimentos enquanto tentam restaurar Alexandria antes que ela entre em colapso, como inúmeras outras comunidades que encontraram ao longo dos anos. Mas onde e como? Mais abatidos e famintos do que nunca, eles devem cavar mais fundo para encontrar o esforço e a força para salvaguardar a vida de seus filhos, mesmo que isso signifique perder as suas próprias vidas”.

“Enquanto isso, sem o conhecimento daqueles em Alexandria, Eugene, Ezekiel, Yumiko e Princess ainda estão sendo mantidos em cativeiro por soldados misteriosos que são membros de um grupo maior e pouco conhecido”, conclui a sinopse.

Os episódios são exibidos nos Estados Unidos. No Brasil, a 11ª temporada chega no Star+, serviço de streaming com estreia prevista para 31 de agosto.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio