Lucifer chega ao fim e fãs percebem grande erro

Espectadores apontam que um desfecho não faz sentido na Netflix

Publicado em 07/10/2021 17:30
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Alerta de spoilers

Lucifer terminou na Netflix com a sexta temporada e agora fãs perceberam um grande erro no desfecho. Com a decisão do personagem de Tom Ellis, o Inferno não faz mais sentido.

No seriado, a regra é que as pessoas que morrem se sentindo culpadas vão para o Inferno. Lá, vivem um loop eterno.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No fim do seriado, Lucifer decide ajudar as almas que se sentem culpadas. Para isso, o protagonista vai liderar sessões de terapia para libertar esses espíritos.

Com esse novo objetivo, fãs no Reddit se questionam o motivo do Inferno ainda existir.

“Não entendo por que Deus vai permitir que o Inferno exista para que pessoas se sintam culpadas pela eternidade. A série também termina com Lucifer tendo um ponto de vista mais amoroso com os humanos”, disse um fã, que recebeu grande apoio.

Os espectadores apontaram que Lucifer deveria ter unido o Céu e o Inferno. Com a decisão do fim na Netflix, o reino original do protagonista deixaria de fazer sentido.

Plano para o fim de Lucifer existia há anos

Lucifer teve uma história de produção conturbada. A série foi cancelada pela Fox e acabou sendo salva pela Netflix, após longa campanha por parte dos fãs. Apesar disso, a showrunner Ildy Modrovich revelou que sempre soube como a série acabaria.

Modrovich conversou com o TV Line, ela disse que a equipe criativa da série determinou bem cedo que no fim da história, o Inferno seria repaginado e se tornaria um local de terapia e que a detetive Chloe Decker seguiria Lucifer nessa nova empreitada. Até mesmo a fala final eles já sabiam qual seria.

“Sabíamos há muito tempo, desde que criamos a ideia de Lucifer se tornar um ‘terapeuta’, que transformaria o Inferno em centro de reabilitação, basicamente. E sabíamos que Chloe se juntaria a ele no Inferno, porque esse, essencialmente, é o Céu dela”.

“A palavra, ‘parceiro’ foi algo que eles usaram durante toda a temporada e quando decidiram que fariam isso juntos… você pode dizer ‘eu te amo’, ‘senti sua falta’, ou qualquer coisa, mas o que pareceu certo é que eles estavam resolvendo crimes no primeiro episódio e agora estão resolvendo a culpa das pessoas. Juntos”, continuou a showrunner.

Lucifer conta com todas temporadas na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio