Segurança impressionante mostrada em La Casa de Papel existe na vida real

Série está em sua reta final na Netflix

Publicado em 04/10/2021 21:15
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na terceira temporada de La Casa de Papel, a equipe se depara com um desafio único: arrombar um cofre cheio de ouro, 48 metros abaixo do solo, que começará a se encher de água assim que tocarem a porta. Por incrível que pareça, o cofre de inundação do Banco da Espanha é real – aqui está como funciona seu sistema de segurança.

Arrombar o cofre real do Banco da Espanha é consideravelmente mais desafiador do que em La Casa de Papel. Para começar, não há apenas uma porta de aço para passar, mas três.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Conforme observado pela Bloomberg em uma análise das medidas de segurança do cofre (via Screen Rant), o encaixe das portas é tão apertado que até mesmo uma pena as impediria de lacrar. O aço não é inoxidável e, portanto, deve ter uma camada de vaselina mantida constantemente para evitar a formação de ferrugem.

Para abrir cada uma dessas portas, dois funcionários de alto escalão do Banco da Espanha devem inserir simultaneamente suas chaves e um código. Não se sabe exatamente quanto ouro está realmente dentro do cofre, que contém não apenas lingotes, mas também moedas antigas que datam do século XII.

Complexo sistema de segurança

O poço do elevador que desce 35 metros até a abóbada é protegido pela maior das três portas de aço. A segunda porta é onde entra o perigo de afogamento. Fica em uma antecâmara com uma ponte levadiça retrátil (detalhe que ficou de fora de La Casa de Papel).

Se o sistema de segurança for ativado, essa câmara irá inundar com água – mas não qualquer água. A abóbada partilha a sua fonte de água com a fonte mais famosa de Madrid, a Fonte de Cibeles, que foi construída em 1782.

Os tubos que conduzem à câmara da abóbada estão ligados à fonte. O próprio Banco da Espanha é enorme e, embora parte do ouro dentro do cofre tenha séculos de idade, o cofre em si foi concluído na década de 1930.

Se você passar pela primeira porta de aço e conseguir não se afogar enquanto passa pela segunda, ainda não terminou. Além da segunda porta, há outra câmara com outra porta de aço de 13 toneladas. Além disso, é quase certo que haja mais medidas de segurança conhecidas apenas por chefes do Banco da Espanha.

Com toda a tecnologia moderna disponível, pode parecer muito antiquado ter as reservas de ouro de uma nação escondidas atrás de uma sala cheia de armadilhas, mas a perspectiva de até mesmo tentar invadir é assustadora o suficiente para que nunca tenha havido uma tentativa de roubá-la na vida real.

É aí que La Casa de Papel toma sua liberdade criativa, mostrando os personagens tramando para entrar no cofre impenetrável.

A segunda parte da quinta e última temporada de La Casa de Papel será lançada na Netflix em 3 de dezembro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio