Publicidade

Chocante

Dois anos após o fim, Jane the Virgin é acusada de roubar áudio de youtuber

Vídeo do TikTok prova uso de áudio sem autorização na série

Publicado por Guilherme Coral

05/11/2021 11:02

Alerta de spoilers

Jane the Virgin está no centro de uma polêmica envolvendo a utilização não autorizada do áudio de uma youtuber. No fim da primeira temporada, a protagonista dá à luz e ouvimos a voz da youtuber Jesica Skuber em uma das cenas.

A cena em questão mostra Jane decidindo se vai fazer parto normal ou cesariana. No meio da discussão ouvimos o grito de uma mulher que não aparece em tela. Trata-se claramente da voz de Skube.

A youtuber publicou um vídeo no TikTok (compartilhado também no Instagram) em que ela prova que a voz dela foi usada sem autorização.

Uso de áudio sem autorização

Skube publicou o parto dela em 2012 no YouTube e vemos ela dando à luz de forma natural, sem medicação. O grito dela pode ser escutado em Jane the Virgin.

O vídeo no TikTok compara as duas cenas e ela chega a tocar o som de um sobre a imagem de outra, provando que a série da CW usou o áudio do vídeo no YouTube.

Tendo em vista que Jane the Virgin estreou em 2014, não há dúvidas sobre qual veio primeiro. Por enquanto, a CW não se manifestou sobre o caso.

Jane the Virgin está disponível na Netflix.

Publicidade