Publicidade

Contém spoilers

Narcos México: Explicamos o final da série na Netflix

Saiba o que acontece com o Agente Walt, Amado Fuentes e os outros traficantes

Publicado por Alexandre Guglielmelli

05/11/2021 18:30

A 3ª e última temporada de Narcos: México estreou recentemente na Netflix, e deixou fãs impressionados com seu desfecho chocante. Como a série é baseada em uma história real, sua conclusão já era conhecida por diversos fãs, mesmo antes do lançamento dos episódios finais. Mas mesmo assim, muita gente ficou confusa com o término. Explicamos abaixo tudo que você precisa saber sobre o final de Narcos: México; confira.

O desfecho de Narcos: México é ambientado nos anos 90, quando a globalização modificou para sempre os negócios dos cartéis mexicanos. Após o vácuo de poder deixado pela prisão de Félix Gallardo, alguns dos narcotraficantes mais famosos da história lutam para assumir o “trono” do chefe.

Como o império de Félix é deixado em ruínas no final da 2ª temporada, o centro do poder criminoso muda de Guadalajara para Juarez – o território controlado pelo “Senhor dos Céus”: Amado Fuentes.

O final de Narcos: México envolve principalmente o confronto entre Amado e os agentes da DEA e a ascensão de novas figuras no panorama criminoso do país – e de todo o continente americano.

O que acontece com Amado no final de Narcos: México?

Amado Fuentes, interpretado por Jose Maria Yazpik, planejava sua reivindicação ao trono do narcotráfico, mas acaba enfrentando diversas dificuldades no caminho.

Quando investigadores chegam ao escritório do Senhor dos Céus em busca de dados sobre suas contas, o traficante finge cooperar, mas depois mostra suas verdadeiras intenções e mata todos eles.

No momento de sua fuga, Amado é atacado pelas autoridades e todos os seus capangas são mortos. Como é de praxe, o personagem planejava escapar em um avião, mas uma das turbinas é atingida por tiros e o traficante é forçado a desistir do plano.

Felizmente, alguns dos ajudantes do personagem conseguem tirá-lo de cena, levando-o para o México em uma fuga impressionante.

No México, Amado se interna em um hospital para fazer uma cirurgia plástica e ganhar um “novo rosto”. No entanto, o personagem tem um ataque cardíaco e acaba morrendo em plena mesa de operação – assim como aconteceu com o Amado da vida real.

O desfecho de Walt Breslin

Walt Breslin, o agente da DEA interpretado por Scoot McNairy, é enviado de volta para o México em busca da prisão dos mais famosos narcotraficantes.

Após receber ordens do General Rebollo, o agente se surpreende ao descobrir que o superior estava recebendo pagamentos de Amado. Rebollo é preso enquanto Walt e Alex fogem para San Diego.

O casal vive em um hotel até Alex ser chamado para testemunhar contra os gângsters. No entanto, o personagem foge para rever a família e acaba assassinado.

Desiludido com a morte de Alex, Walt procura a repórter do La Voz e conta a ela tudo que aconteceu – terminando assim sua história.

O que acontece com os outros traficantes?

Hank Gonzalez é investigado por lavagem de dinheiro, mas devido aos seus contatos no alto escalão, a investigação não dá em nada. Ele morre em 2001, e chega a ganhar uma estátua na Cidade do México.

Ramon, por sua vez, morre assassinado por um policial enquanto curtia uma viagem com os amigos. Os Arellanos também ficam sabendo da morte do personagem.

Finalmente, El Chapo e Mayo se tornam os novos maiorais de Sinaloa. A série termina com Sinaloa se tornando o novo centro de poder e Tijuana perdendo quase toda a sua influência.

A temporada final de Narcos: México está disponível na Netflix.

Publicidade