Mais do que você gosta.

Publicidade

Sucessos mundiais

Além de La Casa de Papel: 7 séries espanholas para ver na Netflix

Elite, Vis a Vis e outros hits de drama, suspense, romance e comédia na plataforma

Publicado por Alexandre Guglielmelli

26/12/2021 07:00

Estreando originalmente em 2017, La Casa de Papel não demorou a se tornar uma das séries mais populares da história da Netflix. A produção espanhola fez um ótimo trabalho ao abrir portas para outras séries do país, que costumam fazer muito sucesso na Europa, Estados Unidos e, é claro, na América Latina. Como a aventura do Professor já lançou seus episódios finais, listamos abaixo 7 séries espanholas para ver na Netflix.

O sucesso de La Casa de Papel foi tão grande que a produção chegou a inspirar fantasias de carnaval, músicas e muito mais, além de ganhar a atenção dos famosos e se estabelecer como um verdadeiro fenômeno internacional.

Continua depois da publicidade

A conclusão da série, que chegou no início de dezembro à Netflix, emocionou os fãs e ofereceu um final satisfatório e criativo aos espectadores da saga.

Vale lembrar que La Casa de Papel já tem pelo menos um derivado confirmado – uma série ambientada durante a juventude de Berlim – e um remake na Coréia do Sul.

Elite

Junto com La Casa de Papel, Elite é uma das séries espanholas mais populares da Netflix. A produção faz muito sucesso ao combinar diversos gêneros: romance, drama, comédia, suspense e muito mais. Em Elite, o foco é dado aos estudantes do Colégio Las Encinas, uma instituição espanhola voltada apenas para as famílias mais ricas do país. Na trama, jovens desenvolvem sua sexualidade, se apaixonam e passam por momentos extremamente chocantes.

Valéria

Valéria é baseada nos romances da escritora espanhola Elísabet Benavent, e conquista fãs com uma trama sensível, leve e divertida. A produção acompanha a história da protagonista homônima, uma escritora que vive grandes problemas na vida conjugal e profissional. Para superar os dilemas, Valéria conta com a ajuda das três melhores amigas – que também amadurecem durante as temporadas e evoluem como mulheres.

Vis a Vis

Vis a Vis conta com uma ótima atuação de Najwa Nimri, a Inspetora Sierra de La Casa de Papel, como a presidiária Zulema. A série é basicamente a versão espanhola de Orange is The New Black, ou seja, acompanha a rotina das detentas de uma penitenciária feminina. O foco fica na trama de Macarena, uma mulher que após ser manipulada pelo homem que amava, acaba condenada à prisão. A série acompanha a jornada da protagonista nesse ambiente hostil e sua relação com as outras prisioneiras. Alba Flores, a Nairóbi de La Casa de Papel, também está no elenco da série.

O Sabor das Margaridas

Se você gosta de séries de investigação sobre crimes chocantes, O Sabor das Margaridas é uma ótima sugestão. A produção espanhola acompanha a história de uma intrépida policial da Guarda Civil, que ao investigar o misterioso desaparecimento de uma adolescente na região da Galícia, acaba descobrindo segredos relacionados ao seu próprio passado. O Sabor das Margaridas conta com duas temporadas e reviravoltas do início ao fim.

O Inocente

Baseado em um livro do famoso escritor Harlan Coben, O Inocente é ancorado por uma sólida atuação de Mario Casas como o protagonista Mateo. Na série, ele acaba envolvido em uma teia de mentiras e intrigas após uma morte acidental. Tentando reconstruir a vida, Mateo encontra o amor e consegue até mesmo recuperar a liberdade – até que um misterioso telefonema o traz de volta ao seu sinistro passado.

As Telefonistas

Antes de La Casa de Papel, As Telefonistas era uma das séries espanholas mais populares da Netflix. Com 6 temporadas, a produção aborda os desejos, dramas e amores de mulheres madrilenhas dos anos 20. Na série, quatro amigas passam pela revolução dos costumes marcada pela modernização da sociedade e a entrada das mulheres no mercado de trabalho. Nesse cenário inédito, as protagonistas tentam conciliar os namoros, a vida profissional e as amizades, tudo isso enquanto lidam com o conturbado clima político da época.

A Desordem Que Ficou

A Desordem Que Ficou é uma produção de Carlos Montero, o criador de Elite na Netflix. A série foca na história de Raquel, uma professora de literatura determinada a salvar seu casamento. Para isso, ela acaba aceitando uma vaga de substituta na cidade natal do marido, Germán. Na nova escola, Raquel se vê ameaçada pelos misteriosos alunos e recebe uma sinistra mensagem – que inicia um turbilhão de mistério com o potencial para mudar para sempre sua vida

Publicidade