Mais do que você gosta.

Publicidade

Revelação

Por causa de filme, ator queria ser morto para deixar La Casa de Papel

Astro não tinha certeza se seriado da Netflix realmente seria a melhor escolha para ele

Publicado por Bruno Tomé

16/12/2021 07:30

Darko Peric quase deu outro destino para Helsinki em La Casa de Papel. No começo da série da Netflix, o ator queria ter matado o personagem para ter realizado o sonho de estrelar um filme.

A revelação foi feita ao jornal El Comercio. A situação aconteceu nas duas primeiras temporadas de La Casa de Papel, quando a série espanhola ainda pertencia a uma TV do país europeu.

Continua depois da publicidade

Mesmo com o papel de Helsinki, Darko Peric foi convidado para trabalhar em um filme de Terry Gilliam. O astro de La Casa de Papel sempre foi um fã do diretor.

“Estava gravando La Casa de Papel e isso me impedia de participar, então disse ao meu representante: ‘Que me matem em La Casa de Papel. Eu quero estar no filme de Terry Gilliam, sou um super fã da vida toda’. Mas, não podia sair. Nesse momento, tive uma depressão muito grande, eu odiava La Casa de Papel. Isso foi na primeira temporada”, relembrou Darko Peric.

O papel desse filme, que é O Homem que Matou Dom Quixote, ficou com Hovik Keuchkerian, o Bogotá de La Casa de Papel. O famoso era a primeira opção de Gilliam, que não podia aceitar inicialmente – o que levou ao convite para Peric.

No fim, o ator de Helsinki soube de toda história no set da Netflix. Hoje, Darko Peric fica satisfeito em ter atuado até o fim na famosa série espanhola.

Personagem em La Casa de Papel mudou vida do ator

Na mesma entrevista, o famoso mostrou como ficar fez bem para ele. Para o ator de La Casa de Papel, a mudança de vida foi grande. Darko Peric afirmou que ser Helsinki “é o papel da vida” dele.

“Obviamente mudou a minha vida e, claro, comecei como um figurante, digamos, porque a primeira temporada, os primeiros quatro capítulos eu não falo, eu estava lá como técnico de som (risos), com a arma ligada. Aí depois aconteceu de perceberem que, olha, ele também pode falar. E foi tudo aos poucos”, contou o astro.

Antes, Peric disse que só conseguia papéis na Espanha como o “o russo ruim ou mafioso”. O papel de Helsinki mudou tudo para ele, em nível profissional e também pessoal.

“De repente, Helsinki mudou tudo isso. Na verdade, Helsinki é o único membro da banda que tem um apelido, Helsi (risos). Percebi que ele é o único. Não há Naibi, nem Denvi … É Helsi, é ele”, celebrou o ator de La Casa de Papel.

La Casa de Papel conta com todas temporadas na Netflix. A série espanhola terá uma derivada, Berlim, que chega em 2023.

Publicidade