Mais do que você gosta.

Publicidade

Complicado

The Witcher teve problemas com Ciri na Netflix

Série estrelada por Henry Cavill precisou superar alguns desafios

Publicado por Bruno Tomé

20/12/2021 18:00

The Witcher alcançou duas temporadas na Netflix fazendo muito sucesso. Mas, para isso, a série estrelada por Henry Cavill precisou superar alguns desafios e problemas, como com o papel de Ciri.

A personagem é essencial para história, sendo a princesa com poderes extraordinários e um destino importante, mas misterioso. Nos games e livros, Ciri é uma criança.

Continua depois da publicidade

Na Netflix, os produtores discutiram sobre a idade da personagem. Afinal, The Witcher é para maiores de idade, o que torna difícil colocar crianças em papéis principais.

A criadora Lauren Schmidt Hissrich contou para Cosmopolitan que teve “muitos problemas” até encontrar a intérprete para Ciri, que no fim é Freya Allan.

“Ela foi escrita como uma menina de 11 anos, e nós procuramos bastante, até que começamos a notar as restrições para as gravações com crianças e também sobre a quantidade de horas no set. Então, começamos a olhar atrizes mais velhas e eu não achava ninguém que eu gostasse”, revelou a chefe da adaptação na Netflix.

A diretora de elenco, Sophie Holland, sugeriu que a produção procurasse por atrizes que já tinham sido selecionadas para outros papéis. Foi assim que Freya Allan, que seria Marilka por um episódio, se tornou a Ciri de The Witcher.

The Witcher está com duas temporadas na Netflix

A luta para salvar o Continente continua na segunda temporada de The Witcher. Agora, o Geralt de Henry Cavill aceitou o seu destino e cuidará de Ciri.

No elenco, além do astro, Freya Allan e Anya Chalotra retornam nos papéis de Ciri e Yennefer. Uma importante aparição na segunda temporada é o mentor de Geralt, Vesemir, que é interpretado por Kim Bodnia.

“Convencido da morte de Yennefer na Batalha de Sodden, Geralt de Rívia leva a Princesa Cirilla ao lugar mais seguro que conhece: Kaer Morhen, onde passou a infância. Mas, enquanto os reis, elfos, humanos e demônios lutam pela supremacia fora das muralhas do Continente, a garota enfrenta um perigo muito maior: seu próprio poder”, diz a descrição da segunda temporada.

Baseada nos livros best-sellers de fantasia, The Witcher é uma saga épica sobre família e destino. É a história de três pessoas com caminhos interligados no vasto mundo Continente, onde humanos, elfos, bruxos, gnomos e monstros lutam para sobreviver e prosperar, e onde o bem e o mal não são tão fáceis de identificar.

The Witcher conta com duas temporadas na Netflix.

Publicidade