Mais do que você gosta.

Publicidade

Controvérsia

Justiça encerra caso de família contra Netflix após morte de jovem

Pais acusam série 13 Reasons Why de ter motivado filha a tirar própria vida

Publicado por Bruno Tomé

12/01/2022 08:24

Uma juíza federal encerrou o caso de uma família contra a Netflix. Pais acusam a série 13 Reasons Why de ter motivado a filha deles a tirar a própria vida.

Como se sabe, o seriado dramático começa contando a história de Hannah e os motivos que a levam a tirar a própria vida. A justiça dos EUA não condenou a Netflix e o seriado com base na proteção da liberdade de expressão.

Continua depois da publicidade

A juíza Yvonne Gonzalez Rogers afirmou que a Netflix não pode ser condenada por recomendar séries aos assinantes. “É um caso trágico. Mas, o processo não sobrevive”, determinou a autoridade.

Em agosto de 2021, John Herndon processou a Netflix por não dar um aviso adequado sobre as cenas e a profundidade da trama de 13 Reasons Why. A primeira temporada detalha a vida de Hannah até o momento fatal.

A Netflix se defendeu afirmando que restrições levariam a censura nos títulos. Além disso, a plataforma usou exemplos de outras produções que tratam sobre suicídio, como As Vantagens de Ser Invisível e Querido Evan Hansen.

Já os advogados de Herndon afirmaram que o processo não era sobre o conteúdo da série, mas sim o algoritmo de recomendação da Netflix, caracterizado pelos acusadores de “um produto perigoso”.

Anteriormente, a Netflix removeu a cena de três minutos com o suicídio de Hannah. O momento tinha gerado grande polêmica desde a estreia de 13 Reasons Why.

O motivo do cancelamento de 13 Reasons Why

Por que 13 Reasons Why foi cancelada? Uma matéria do The Things trouxe a explicação.

Na época em que o cancelamento de 13 Reasons Why foi anunciado, a Netflix explicou que a quarta temporada seria uma “conclusão natural”, então realmente não havia motivo para ter mais episódios.

O produtor Brian Yorkey explicou à Entertainment Weekly que quatro temporadas eram o bastante para contar a história.

Ele disse: “No meio da segunda temporada, quando ficou claro que poderíamos ter a chance de fazer mais temporadas, eu rapidamente cheguei a um ponto onde parecia uma história de quatro temporadas.”

“Sempre fico um pouco incomodado quando séries sobre o ensino médio passam de quatro temporadas.”

13 Reasons Why segue disponível na Netflix.

Para prevenção de suicídio e apoio emocional, você pode procurar o Centro de Valorização da Vida (CVV), que atende gratuitamente pela internet e pelo telefone 188.

Publicidade