Mais do que você gosta.

Publicidade

Contém spoilers

5 coisas que não fazem nenhum sentido em All Of Us Are Dead

Os maiores furos no roteiro da série sul-coreana de zumbis da Netflix

Publicado por Alexandre Guglielmelli

14/02/2022 21:00

All Of Us Are Dead já pode ser considerada uma dos maiores sucessos da Netflix em 2022. A série sul-coreana chegou como um estouro na plataforma, e não demorou a conquistar fãs no mundo inteiro. Mas isso não significa que ela é perfeita: de acordo com o site Screen Rant, existem pelo menos 5 coisas que não fazem nenhum sentido na trama.

“Uma epidemia mortal surge em uma escola. Encurralados, os alunos só tem uma opção: lutar com todas as forças para não virarem zumbis”, afirma a sinopse oficial de All Of Us Are Dead na Netflix.

Continua depois da publicidade

Além de apresentar um olhar criativo e pioneiro sobre as histórias de zumbis, a série fez um ótimo trabalho ao comprovar – mais uma vez – o potencial internacional de produções sul-coreanas, após o sucesso de Profecia do Inferno e Round 6.

Listamos abaixo os 5 maiores furos do roteiro de All Of Us Are Dead, confira e tire suas próprias conclusões.

As técnicas de Invasão Zumbi

Quando o Vírus Jonas começa a infectar os estudantes da Escola Hyosan, Lee Cheong-san afirma que a situação é parecida com a do filme sul-coreano Invasão Zumbi. No entanto, essa é a única menção ao longa em todos os episódios da série, o que, de acordo com o site Screen Rant, não é realista (dada a popularidade do longa).

Além disso, os estudantes da Classe 2-5 só começam a adotar as técnicas utilizadas no filme – como o uso de uma espécie de armadura protetiva – ao final da primeira temporada. Mesmo assim, os personagens também parecem ter o costume de atingir os zumbis em qualquer lugar, exceto na cabeça.

Fome e sede em All Of Us Are Dead

Mesmo após passarem dias sem acesso a comida ou água, os alunos da Classe 2-5 parecem nunca ser afetados por fome ou desidratação. Os personagens conseguem correr e lutar pela vida sem problemas. O furo no roteiro é ainda mais estranho se levarmos em conta o fato da série citar os efeitos da fome e sede em diversas ocasiões. Nam-ra, por exemplo, explica que qualquer pessoa pode morrer em três minutos por falta de ar, três dias por falta de água e três semanas por falta de comida.

Durante toda a trama de All Of Us Are Dead, apenas Nam So-ju exibe sinais físicos de desidratação. Os outros sobreviventes, aparentemente conseguem passar todo o apocalipse zumbi sem comer ou beber. É um problema pequeno, mas de acordo com o site Screen Rant, prejudica o teor realista da série da Netflix, predicado na biologia.

O método de infecção

All Of Us Are Dead confirma que o vírus Jonas é extremamente contagioso, e a cada novo hospedeiro, evolui e se torna mais forte. Por isso, é estranho o fato de personagens que entraram em contato direto com o sangue dos zumbis (nos olhos ou na boca) não ficarem com medo da infecção.

Além disso, como Covid é mencionada na série da Netflix, faria sentido os estudantes estarem familiarizados com o fato do vírus ter a possibilidade de transmissão por um simples contato com os olhos ou a boca. Segundo o Screen Rant, esse é um erro bastante comum em filmes e séries de zumbis.

O sacrifício de Nam So-ju

Em All Of Us Are Dead, o Nam So-ju é o pai de Nam On-jo. O bombeiro e atendente de emergência luta para chegar à escola Hyosan e salvar a vida da filha. Quando os sobreviventes da Classe 2-5 se encontram com So-ju, decidem caminhar em direção à quadra de tênis.

Após distrair os zumbis para garantir a fuga dos estudantes, So-ju tranca o portão e fica preso na quadra junto com os mortos-vivos, garantindo a sobrevivência da filha. O problema é que, de acordo com o Screen Rant, o personagem poderia ter trancado facilmente o portão após deixar a quadra.

De todas as mortes de All Of Us Are Dead, a de So-ju é a mais evitável. Na verdade, após So-ju trancar o portão e se despedir da filha, os zumbis só começam a atacar após alguns segundos. O personagem poderia ter utilizado esses segundos para escapar junto com a filha.

O plano dos militares em All Of Us Are Dead

Os zumbis de All Of Us Are Dead são particularmente sensíveis ao som da frequência de 23 hz. Os militares usam essa informação para encurralar as horas de mortos-vivos em certos pontos da cidade, onde ocorrem bombardeios estratégicos.

Após os militares controlarem a invasão dos zumbis à escola Hyosan, os sobreviventes são colocados em quarentena, para a identificação (e destruição) dos zumbis assintomáticos.

É por isso que os outros moradores da cidade também entram em quarentena no final de All Of Us Are Dead. Entretanto, os militares também sabem que até mesmo os assintomáticos reagem à frequência de 24 hz.

Sendo assim, de acordo com o Screen Rant, ao invés de colocar todo mundo em quarentena, os militares poderiam ter simplesmente reproduzido a frequência pelo acampamento, e assim, identificado todas as pessoas que reagissem como Min Eu-ji durante os experimentos.

All Of Us Are Dead está disponível na Netflix.

Publicidade