Mais do que você gosta.

Publicidade

Faz sentido

Aaron substitui Rick Grimes em The Walking Dead

Nenhum sinal de Rick voltar ainda no seriado

Publicado por Guilherme Coral

14/03/2022 08:29

Alerta de spoilers

The Walking Dead pode não contar mais com Rick Grimes na série principal, mas isso não quer dizer que situações que ele protagonizou não possam ser vividas por outros personagens. Vimos isso no 12º episódio da 11ª temporada.

No capítulo em questão, Aaron essencialmente substitui Rick. Nos quadrinhos, o ex-xerife recebe Pamela Milton, governadora da Commonwealth, e mostra Alexandria para ela. Nesse ponto começam os desentendimentos entre os dois, visto que eles têm ideias muito diferentes de como a sociedade deveria funcionar.

Continua depois da publicidade

Já na série, é Aaron quem dá o tour para Pamela Milton. Notavelmente, há algumas similaridades entre Aaron e Rick, tanto na aparência física, quanto no fato de ambos não terem uma das mãos (nas HQs, o Governador corta uma das mãos de Rick, logo no arco da prisão).

Assim sendo, pode ser que a série crie uma inimizade entre Aaron e Pamela, que pode ter consequências trágicas, como quem leu os quadrinhos sabe.

Veremos se seguirão a mesma história ou não.

Commonwealth será atacada em The Walking Dead?

Em “Rogue Element”, o novo episódio da 11ª temporada de The Walking Dead, indica que o ataque à Commonwealth já pode ter começado.

O ataque em questão vem do CRM (o Exército da República Cívica), o poderoso grupo militar que resgata Rick Grimes em helicópteros. Detalhes importantes sobre a organização foram revelados na série derivada World Beyond.

Como parte de seu trabalho como jornalista, Connie é enviada para cobrir a operação de eliminação de zumbis comandada por Mercer, muito além das muralhas da Commonwealth.

Uma horda aparentemente se aproxima da comunidade, e a missão dos militares é acabar com ela rapidamente. Os soldados lutam contra os mortos vivos, que aparecem em grande quantidade.

Se não fosse pela presença do comandante Mercer, a operação provavelmente teria falhado. Mas excursões como essas não são incomuns na comunidade, já que hordas de zumbis aparecem frequentemente.

Entretanto, uma manchete no jornal de Connie deixou muitos fãs com a pulga atrás da orelha.

“Força tarefa mantém a linha de frente. Segunda onda esperada”, afirma a manchete.

A teoria especula que as hordas de zumbi estão sendo enviadas em direção à Commonwealth de propósito, em uma jogada de mestre do CRM.

Pouco se sabe sobre as verdadeiras intenções da CRM. Mas The Walking Dead já estabeleceu que os militares cometeram (no mínimo) dois atos de genocídio: um contra uma comunidade menor que a Commonwealth, e outro em um grupo um pouco maior.

Também sabe-se que nenhum dos locais representava uma ameaça à CRM, e que ambos os ataques foram completamente sem motivo.

Por meio de helicópteros e ondas sonoras, o CRM consegue manipular horas de zumbis perfeitamente, em um método bem mais bem sucedido que o adotado pelos Sussurradores.

Com o CRM parece estar espalhado por todos os Estados Unidos, o grupo provavelmente sabe da existência da Commonwealth – e pode considerar a comunidade seu próximo alvo.

Os episódios de The Walking Dead são exibidos no Brasil pela plataforma Star+. Clique aqui para assinar o streaming.

Publicidade