Mais do que você gosta.

Publicidade

Comparação

Bridgerton: Por que romance de Anthony e Kate supera o de Daphne e Simon

Novo casal da série de Shonda Rhimes faz sucesso entre os fãs da Netflix

Publicado por Alexandre Guglielmelli

31/03/2022 21:00

Sucesso na Netflix, a 2ª temporada de Bridgerton deixa fãs suspirando com o romance de Anthony e Kate. A relação dos personagens dá o tom dos novos episódios, e acumula inúmeros shippers pelo mundo todo. Para muita gente, o relacionamento de Anthony e Kate supera até mesmo o de Daphne e Simon, contado na 1ª temporada.

Assim como os livros de Julia Quinn, cada temporada da série de Shonda Rhimes foca na história de um dos irmãos Bridgerton.

O primeiro ano é uma adaptação do livro “The Duke and I”, sobre o romance de Daphne e Simon Hastings. A segunda temporada, por outro lado, se baseia em “The Viscount Who Loved Me”, que aborda a paixão de Anthony e Kate.

O site Screen Rant revelou por que o romance de Anthony e Kate supera o de Daphne e Simon – veja abaixo e tire suas próprias conclusões.

Por que o romance de Anthony e Kate é melhor que o de Daphne e Simon em Bridgerton?

Segundo o site Screen Rant, o romance de Anthony e Kate supera o de Daphne e Simon por seu teor bem mais realista – diferente da paixão original, que se desenvolve como uma espécie de conto de fadas.

O desenvolvimento mais lento do romance de Anthony e Kate na 2ª temporada de Bridgerton oferece um grau maior de realismo ao relacionamento dos personagens. Na 1ª temporada, por outro lado, a relação de Simon e Daphne é basicamente um filme da Disney.

A intenção de Kate Sharma nunca foi encontrar um parceiro, mas sim arranjar um casamento para a irmã Edwina. Por isso, o relacionamento entre a personagem e Anthony começa sem expectativas – o que resulta em um desenvolvimento bem mais interessante.

Quando Kate escuta Anthony falando sobre as qualidades que deseja em uma esposa, acaba criando uma verdadeira antipatia pelo primogênito dos Bridgerton.

Dessa forma, a série da Netflix coloca Kate e Anthony em posições antagônicas, o que permite que os personagens enxerguem as versões reais um do outro, sem a idealização que acontece na trama de Daphne.

Além disso, as mudanças realizadas entre o livro de Julia Quinn e a série de Shonda Rhimes na Netflix tornam o romance ainda mais interessante.

Em “The Viscount Who Loved Me”, Kate e Anthony são forçados a se casar quando acabam descobertos em uma “posição constrangedora”.

Já casados, eles eventualmente aprendem a superar suas diferenças e criam uma profunda conexão.

A 2ª temporada de Bridgerton, por outro lado, não força o romance de Anthony e Kate como uma consequência do casamento.

Tanto Kate quanto Anthony descobrem sozinhos seus sentimentos mútuos, e decidem se casar independentemente das pressões sociais.

“O fato dos dois terem tentado se afastar um do outro só prova a força do amor que eles compartilham. Dessa forma, o relacionamento de Kate e Anthony é bem mais crível que o de Daphne e Simon”, afirma a análise do site Screen Rant.

A 2ª temporada de Bridgerton, com Kate e Anthony, já está disponível na Netflix.

Publicidade