Mais do que você gosta.

Publicidade

Mesmo universo?

Chefe de Resident Evil da Netflix explica conexão entre a série e os games

Série parece bem diferente dos jogos

Publicado por Guilherme Coral

13/05/2022 08:15

A Netflix divulgou os primeiros trailers da série em live-action de Resident Evil, que parece bem diferente dos games da Capcom. O showrunner, Andrew Dabb, explicou qual a conexão entre os jogos e o seriado.

A ‎‎Entertainment Weekly‎‎ ‎‎conversou com Dabb para discutir a série. Quando perguntado como a série se conectará aos videogames, Dabb revelou que tudo o que aconteceu nos jogos é cânone à série.

O showrunner, no entanto, disse que algumas áreas da mitologia dos games não serão exploradas até as próximas temporadas.

‎”Os jogos são nossa história. Tudo o que acontece nos jogos existe neste mundo. Podemos não chegar a Resident Evil: Village até a 5ª temporada, mas está em nosso mundo. À medida que avançamos e falamos de roteiros para a 2ª temporada, a vila é um recurso que podemos aproveitar”, disse o showrunner da série da Netflix, referindo-se ao game mais recente da franquia.

A série de Resident Evil na Netflix

A série terá Andrew Dabb como showrunner. Recentemente, ele trabalhou como showrunner também em Supernatural.

A série será produzida pela Constantin Films, responsável pelos seis filmes da franquia, estrelados por Milla Jovovich.

A trama da série se desenrolará em duas linhas do tempo: na primeira, as irmãs Jade e Billie Wesker, ambas de 14 anos, mudam-se para a Nova Raccoon City. Uma cidade corporativa em que elas são forçadas a morar em plena adolescência. Mas quanto mais tempo elas passam lá, mais elas começam a descobrir que a cidade não é o que parece ser e que seu pai pode esconder segredos sombrios. Segredos que podem destruir o mundo.

Na segunda linha do tempo de Resident Evil, que se passa uma década no futuro, há menos de 15 milhões de pessoas vivas na Terra, e mais de 6 bilhões de monstros – pessoas e animais infectados com o T-vírus. Jade, agora com 30 anos, luta para sobreviver nesse novo mundo, enquanto os segredos de seu passado continuam a assombrá-la.

Ao que tudo indica, a série vai se distanciar consideravelmente dos games e possivelmente seguirá um caminho similar ao dos filmes, que também mostrou um futuro pós-apocalíptico.

Nos jogos da Capcom, os zumbis ficaram contidos em Raccoon City, com outros locais passando por crises similares, mas em razão de experimentos separados daqueles conduzidos na cidade americana.

A Netflix confirmou ainda que Lance Reddick será o famoso vilão Albert Wesker. O personagem é um dos mais clássicos do game de Resident Evil.

O elenco tem ainda Ella Balinska, Tamara Smart, Siena Agudong, Adeline Rudolph e Paola Nuñez. A Netflix não revelou as personagens das atrizes.

A série de Resident Evil na Netflix chega em 14 de julho de 2022.

Publicidade