Mais do que você gosta.

Publicidade

Grande produção

Criador de Sandman conta por que a Netflix era a casa perfeita para a série

Os fãs estão ansiosos pelos episódios

Publicado por Victor Carvalho

04/08/2022 21:11

Em entrevista com o The Wrap, Neil Gaiman explicou por que considera que a Netflix era a casa perfeita para uma adaptação de Sandman.

Em diversos momentos, a obra quase ganhou adaptação no cinema. No entanto, o próprio Neil Gaiman continuou barrando a ideia até chegar o momento certo.

Continua depois da publicidade

“Precisávamos estar em um mundo onde seria possível pegar os dois primeiros volumes de Sandman e transformá-los em 10 episódios de uma série de alta qualidade.”

“No cinema, o grande problema era contar em 120 minutos uma história de 3 mil páginas. Seria como tentar colocar um oceano em um copo.”

“Não havia uma maneira de fazer uma adaptação fiel dessa maneira.”

“Também existiu uma vez uma proposta de fazer uma versão de Sandman na TV que basicamente seria focada nas aventuras de Rose Walker, com Morpheus sendo um personagem secundário que aparecia de vez em quando para dizer coisas em seus sonhos.”

“Eu disse: ‘Nós não vamos fazer isso, certo?’ Agora, estamos em um mundo onde temos a Netflix. Também temos outros serviços de streaming com orçamento e vontade de fazer coisas fabulosas.”

“Eles nos deram muito apoio com Sandman e agora nós temos a oportunidade de mostrar para as pessoas o que nós fizemos.”

Grande produção

Sandman conta a história de Morpheus, também conhecido como Sonho. Ele é capturado por um grupo de ocultistas que tinha o objetivo de aprisionar Morte, a sua irmã.

Morpheus permanece preso por décadas, até que consegue escapar. Ele então embarca em uma jornada para restaurar todo o seu poder como o Senhor dos Sonhos.

Sandman chega na Netflix neste dia 5 de agosto.

Sobre o autor

Victor Carvalho

Victor Carvalho

Membro do Observatório do Cinema desde 2018, gosto tanto de escrever sobre as coisas que assisto quanto de assisti-las. Nas horas vagas, também encontro algum tempo para ler DC e Marvel, ser terrível nos games e de sofrer torcendo para o Botafogo.

Publicidade