Mais do que você gosta.

Publicidade

Sem spoilers

Derivada de Game of Thrones já tem uma grande diferença em relação à original

House of the Dragon deve evitar um dos principais problemas da série épica da HBO

Publicado por Alexandre Guglielmelli

07/03/2022 18:00

Fãs de Game of Thrones podem comemorar: as filmagens de House of the Dragon, o primeiro derivado da épica série de fantasia, já foram encerradas. Quem confirmou foi George R.R. Martin, o criador do universo de As Crônicas do Gelo e Fogo, material-base da produção da HBO. E segundo o escritor, a nova série já apresenta uma grande diferença em relação à trama original.

“Baseada no livro ‘Fire and Blood’, a série é ambientada 200 anos antes dos eventos de Game of Thrones, e acompanha a história da Casa Targaryen”, afirma a sinopse oficial da produção.

Continua depois da publicidade

Com grande elenco, a série terá Paddy Considine (The Outsider), Olivia Cooke (Jogador Número 1), Emma D’Arcy (Truth Seekers), Matt Smith (The Crown), Steve Toussaint (It’s a Sin), Eve Best (Nurse Jackie), Rhys Ifans (O Espetacular Homem-Aranha) e Sonoya Mizuno (Ex Machina).

O site CheatSheet revelou qual é a grande diferença entre Game of Thrones e House of the Dragon; confira abaixo.

A maior diferença entre Game of Thrones e House of the Dragon

Segundo o site CheatSheet, a principal e mais importante diferença entre Game of Thrones e House of the Dragon é o fato da nova produção da HBO Max já contar com um final pré-estabelecido – algo que não aconteceu na trama de Daenerys, Jon Snow e os outros personagens.

Quando Game of Thrones começou a ser produzida pela HBO, George R.R. Martin ainda estava produzindo o fim da saga literária. Na verdade, o autor ainda não terminou de escrever a trama original, com dois livros ainda inéditos.

A série da HBO adaptou todo o material escrito pelo autor até a 6ª temporada, e por isso as tramas da 7ª a 8ª temporadas foram criadas pelos showrunners David Benioff e D.B. Weiss.

Essa importante mudança narrativa representou um considerável declínio na qualidade do enredo. A temporada final é vista até hoje como uma das maiores decepções da história da TV.

“Olhando para trás, gostaria de ter escrito os livros mais cedo. Como eu já tinha 4 livros publicados (o quinto foi lançado junto com a 1ª temporada da série), não achei que eles me alcançariam. São livros enormes, vocês sabem! Mas eles acabaram me ultrapassando”, comentou o autor.

Mas House of the Dragon não contará com esse problema. Como a produção é ambientada 200 anos antes da produção original, seu desfecho é definido pela própria progressão da história, de acordo com a concepção de Martin.

Em uma entrevista recente, o autor evitou revelar muitos detalhes sobre a produção, mas garantiu que os fãs têm tudo para aprovar House of the Dragon.

“Já assisti os primeiros cortes dos 10 episódios da 1ª temporada, e amei todos”, afirmou o escritor.

House of the Dragon estreia no HBO Max ainda em 2022, mas ainda não tem data.

Publicidade