Mais do que você gosta.

Publicidade

Polêmica

Historiador detona Peaky Blinders: “A gangue não é para ser admirada”

Especialista critica imprecisões históricas da série britânica na Netflix

Publicado por Alexandre Guglielmelli

06/04/2022 19:00

Peaky Blinders é uma das séries mais populares da Netflix – mas não faz sucesso com historiadores e especialistas na história do Reino Unido. Recentemente, um pesquisador detonou a produção britânica e a reação do público sobre a trama. As acusações provocaram polêmica nas redes sociais e desagradaram os fãs da série.

Uma notória gangue da Inglaterra de 1919 é liderada pelo cruel Tommy Shelby, um criminoso disposto a subir na vida a qualquer preço”, afirma a sinopse de Peaky Blinders na Netflix.

Criada por Steven Knight, Peaky Blinders já lançou sua 6ª (e última) temporada. Os episódios foram exibidos na Inglaterra, e devem chegar em breve ao catálogo brasileiro da Netflix.

Enquanto os novos episódios não estreiam no streaming, confira abaixo tudo sobre as críticas do historiador à trama de Peaky Blinders.

Peaky Blinders provoca polêmica com historiador

Em uma entrevista ao programa BBC Breakfast, o historiador Carl Chinn falou sobre Peaky Blinders e discutiu as imprecisões históricas da série. Acima, você pode conferir uma foto dos “Peaky Blinders da vida real”.

Os verdadeiros Peaky Blinders não eram uma gangue de Birmingham nos anos 1920. Na verdade, ‘Peaky Blinder’ é um termo genérico utilizado para descrever os criminosos da região no final do século XIX”, explicou o professor.

Segundo Chinn, os Peaky Blinders não eram uma única gangue, mas sim diversas organizações criminosas que funcionavam sob diferentes lideranças.

Eles enfrentavam a polícia, mas também agrediam trabalhadores e lutavam uns contra os outros”, comentou Chinn.

O historiador revelou também uma perspectiva pessoal sobre os atos dos Peaky Blinders.

Um desses Peaky Blinders era meu bisavô Edward Derrick, um homem realmente desagradável. Ele foi preso por diversos delitos, mas em minha opinião, seu pior crime foi a violência cometida contra minha bisavó”, comentou o historiador.

Por isso, Carl Chinn não concorda com a “glamourização do estilo de vida criminoso” feita pela série dos Peaky Blinders.

A gangue não é para ser admirada!”, esclareceu o especialista.

Carl Chinn afirmou também que até tentou assistir as primeiras temporadas de Peaky Blinders, mas desistiu devido às imprecisões históricas da produção.

Peaky Blinders exibiu seu episódio final no dia 3 de abril de 2022, e trouxe um desfecho bombástico para a trama de Tommy Shelby.

Mas isso não significa que a história dos Peaky Blinders chegou ao fim. Steven Knight, o criador da série, já confirmou a produção de um filme para fechar com chave de ouro a trama de Tommy Shelby.

Ainda em estágios iniciais de produção, o longa deve estrear em 2023 ou 2024.

Os últimos episódios de Peaky Blinders, por sua vez, chegam ao catálogo brasileiro da Netflix em 10 de junho de 2022.

Publicidade